Marco Bello: Para Jonathas, Corinthians seria o caminho ideal para a seleção brasileira

Marco Bello

Setorista do Corinthians desde 2009 pela Rádio Transamérica, Marco Bello acompanha o dia a dia do clube

ver detalhes

Para Jonathas, Corinthians seria o caminho ideal para a seleção brasileira

Coluna do Marco Bello

Opinião de Marco Bello

40 mil visualizações 162 comentários Comunicar erro

Para Jonathas, Corinthians seria o caminho ideal para a seleção brasileira

Jonathas comemorou um de seus gols pelo Elche usando óculos escuros

Foto: Divulgação

A rotina de Jonathas durante suas férias no Brasil não é tão diferente de sua rotina de trabalho na Europa. Todos os dias o jogador, que tem residência em Belo Horizonte, pega a estrada até a cidade de Contagem e, junto com seu treinador pessoal, trabalha a parte física e faz trabalhos com bola no Studio Bruno Ferreira Fitness, na cidade que fica a cerca de 20 minutos da capital mineira.

Bruno trabalha com Jonathas há mais de três anos e conhece bem a dedicação do jogador, que o levou a ser um dos destaques do último campeonato espanhol pelo pequeno Elche. Na Espanha, Jonathas treinava no clube todos os dias pela manhã e fazia seu treinamento particular todas as tardes em casa, com equipamentos particulares.

Após os 14 gols marcados no último campeonato, o nome do jogador começou a ser especulado em vários times médios do continente europeu. O atleta, alegando atraso de oito meses em seus vencimentos, está em uma disputa judicial com o Elche e solicita seu desligamento definitivo do clube da Espanha.

Enquanto o futuro não é definido, Jonathas convive com algo novo em sua vida, já que saiu do Brasil ainda jovem após despontar no Cruzeiro: a idolatria de uma nação. Em todos os minutos do dia, o celular do atacante não para de apitar. São citações no Instagram e no Twitter, da torcida do Corinthians, pedindo para que ele assine com o clube do Parque São Jorge.

Enquanto o empresário Mino Raiola tenta acertar algum grande contrato para Jonathas voltar ao mercado europeu, o jogador aproveita seus momentos de fama no país em que nasceu, algo que nunca aconteceu com ele. E além do carinho que tem recebido dos corinthianos, um antigo sonho passa pela cabeça: a seleção brasileira.

O jogador crê que a exposição que teria com a camisa do Corinthians seria maior que se atuasse por um clube médio europeu. Vencer jogando em um grande do Brasil pode ser um atalho para a seleção.

A definição deve sair até o final desta semana e, enquanto isso, em Belo Horizonte ou em Contagem, com o celular em mãos e um sorriso no rosto, Jonathas vive seus momentos de ídolo sem nunca ter sequer vestido a camisa do Timão.

Coluna do Marco Bello

Por Marco Bello

Marco Bello é jornalista, apresentador e repórter da Rede Transamérica de Rádio, setorista do Corinthians desde 2009

O que você achou do post do Marco Bello?