O nono lugar do Brasileirão vale (e bastante) para o Corinthians e deveria ser uma

Rodrigo Vessoni

Formado pela FIAM, trabalhou na Rádio Transamérica e, por 12 anos, no LANCE!. Neste momento, também é repórter da Rádio 9 de Julho, SP (AM 1600). Participa ainda, quando chamado, de programas na TV.

ver detalhes

O nono lugar do Brasileirão vale (e bastante) para o Corinthians e deveria ser uma meta do clube

Coluna do Rodrigo Vessoni

Análise de Rodrigo Vessoni

8.6 mil visualizações 74 comentários Comunicar erro

O nono lugar do Brasileirão vale (e bastante) para o Corinthians e deveria ser uma meta do clube

Corinthians perdeu mais uma chance de pontuar no Brasileirão, desta vez, diante do Vasco; vaga na Libertadores foi perdida

Foto: Danilo Fernandes/ Meu Timão

O Corinthians está fora da Libertadores 2021 porque os oito melhores estão definidos. A realidade corinthiana em termos de América do Sul será a Copa Sul-Americana, único dos troféus disputados hoje em dia que não está no Memorial do Parque São Jorge.

O Brasileirão, então, não vale mais nada para o Corinthians? Não é bem assim. A equipe de Mancini ainda pode ficar em nono colocado, uma posição que valeria a pena de olho na temporada esportiva 2021.

Você que está lendo pode se perguntar: mas por que esse repórter/colunista está dizendo que um nono lugar vale alguma coisa?

Pois bem.

Pouca gente percebeu, mas a CBF alterou o sistema de disputa da Copa do Brasil 2021. Ficou definido que 12 clubes entrarão apenas na fase três do torneio nacional, entre eles, o nono colocado do Brasileirão 2020.

Ou seja, esse clube evitará disputar as fases um e dois da Copa do Brasil, cortando assim duas chances de eliminação precoce, além de um calendário mais folgado. Então, para o Corinthians, esse nono lugar poderá ter um impacto bastante positivo em 2021.

A título de curiosidade, abaixo as 12 vagas que estão disponíveis para a fase três do torneio nacional e os respectivos clubes e/ou pretendentes:

  • 8 clubes classificados para Libertadores (Palmeiras, Flamengo, Inter, Atlético-MG, São Paulo, Fluminense, Grêmio e Santos)
  • Campeão da Copa do Nordeste 2020 (Ceará)
  • Campeão da Copa Verde 2020 (Remo ou Brasiliense)
  • Campeão da Série B 2020 (Chapecoense)
  • 9º colocado do Brasileirão (Athletico-PR, Corinthians, Bragantino ou Atlético-GO)

Todas as fases da Copa do Brasil 2021

Primeira Fase
80 clubes distribuídos em 40 confrontos

Segunda Fase
40 clubes distribuídos em 20 confrontos

Terceira Fase (com a entrada dos 12 classificados)
32 clubes distribuídos em 16 confrontos

Oitavas de Final
16 clubes distribuídos em 8 confrontos

Quartas de Final
8 clubes distribuídos em 4 confrontos

Semifinal
4 clubes distribuídos em 2 confrontos

Final
2 clubes distribuídos em 1 confronto

Veja mais em: Copa Sul-Americana, Copa do Brasil e Vagner Mancini.

Coluna do Rodrigo Vessoni

Por Rodrigo Vessoni

Formado pela FIAM, trabalhou na Rádio Transamérica e, por 12 anos, no LANCE!. Neste momento, também é repórter da Rádio 9 de Julho, SP (AM 1600). Participa ainda, quando chamado, de programas na TV.

O que você achou do post do Rodrigo Vessoni?

x