Comentário de Gilberto em "Polícia pedirá perícia de leitura labial..."

Além de tudo que foi dito neste comentário, acrescento uma questão: o resultado de uma leitura labial pode ser determinante numa eventual condenação?
Na minha opinião, não.
Teria condição de determinar, com precisão e certeza, as palavras PALITO, PALETÓ e PÁLIDO?
Portanto, não podemos condenar alguém com base, simplesmente, numa percepção de um indivíduo sobre uma leitura labial.

em Notícia > Polícia pedirá perícia de leitura labial para avaliar suposto caso...

Em resposta ao comentário:

Que vergonha para Polícia Civil do Rio Grande do Sul um discurso como desta Delegada. Como pode uma autoridade policial isenta proferir que: 'ficou quase inequívoco - até porque o Edenilson não iria inventar um fato grave como este(SIC)'. Rasgou qualquer manual de investigação policial. Cadê a isenção da investigação senhora? Cadê a ética profissional pautada no sigilo e na presunção de inocência? Só espero que a política estadual não esteja influenciando estas atitudes. Ontem o primeiro Delegado já havia falhado ao não procurar testemunhas entre os jogadores, fez tudo precipitado.

Responda o comentário do Gilberto

  • 1000 caracteres restantes
x