Não gosto do Sanchez, mas o contrato foi PERFEITO

Fórum do Corinthians
Tópico Lendário Entenda as regras

Ramon #4.345 @ramon.nunes2 em 25/01/2019 às 19:29

Premissa 1: temos o uniforme mais abadá da série A, praticamente nenhum espaço está vazio.

Premissa 2: muitos patrocinadores desvalorizam a marca, sendo muito mais interesse pagar mais e ocupar sozinho ou com poucas marcas uma camisa

Conclusão: não é nada demais que o valor seja mais baixo que o esperado (12 milhões fixos + parceria).

A verdade é que é um contrato que envolve risco e, como quem investe sabe, grandes riscos estão associados a grandes ganhos.

A questão é: apostamos na nossa torcida? Sim ou não? Afinal, vejo diariamente aqui mil e uma ideias tentando envolver o tamanho e a paixão da nossa torcida.

Quando fazem um post sobre isso, é genial. Quando a diretoria faz algo nesse sentido, é pura burrice.

E quero lembrar outra coisa, 5 anos de contrato não é muito. Aliás, eu acho MUITO pouco.

A parceria tende a aumentar gradativamente o seu retorno com o passar do tamanho, tendo em vista que durante esse tempo teremos um aumento de adesões (divulgação do produto, adesão da população ao modelo de banco digital, aumento da confiança no banco e no serviço etc).

Com apenas 5 anos, corremos o risco de chegarmos no quinto ano com uma arrecadação altíssima e o Banco decidir que devemos ter nada ou menos que 50% pra renovar.

Enfim, não tenham pensamento de manada. Entendam que não é esse pensamento de brasileiro médio, que não toma riscos, e é doido por estabilidade, funcione para grandes empreendimentos. Precisamos de mais! Não queremos ser o maior de todos?

10.290 visualizações e 197 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhores respostas

Frederico Cajaiba #1.282 @frederico.cajaiba em 25/01/2019 às 19:33

A torcida reclama, mas aposto que poucos são sócios torcedores, compram material original do clube, e vão abrir conta no Meu Corinthians BMG, reclamar, é fácil, apoiar e ajudar o clube financeiramente, que é difícil

João Henrique Azevedo #337 @joao.henrique.azeved em 26/01/2019 às 22:25

Galera não tem noção dos lucros que um banco tem...

Da vontade de chorar vendo o tamanho da ignorância que se alastra por esse fórum...

Últimas respostas

Itamar Fulano #35 @sr.fulano em 27/01/2019 às 19:10

Cara, você não está lendo o que eu estou escrevendo.

Ou está tão disposto a discordar que não está fazendo esforço pra compreender.

Eu coloquei 25 milhões o valor da camisa.

CONTANDO A IDEIA DE RISCOS DE LUCRO FUTURO EU FALEI EM 20 MILHÕES.

Está no texto, é só você ir lá é ler.

Que seja um fixo até de 18 milhões, mas não 12 milhões.

POIS SE A IDEIA É PARCERIA O QUE IMPLICA EM DIVIDIR OS RISCIS, OSSO FICARIA MAIS EQUILIBRADO.

Agora ocupar um espaço que vale 25 milhões, por 12 milhões?

Acredito que você seja um cara inteligente, pense se o risco não começa todo com o clube, que sai já com 13 milhões a menos.

Que fosse então com 7 milhões a menos assim sairia 18 milhões o fixo

Depois dependia da variável o lucro para o clube e o Banco.

Esse é o ponto.

Valeu amigo

João #337 @joao.henrique.azeved em 27/01/2019 às 18:40

" " Kkikkk

Velho, se o valor da camisa é 25 milhões Quem em sã consciência vai fixar 25.milhões e dar lucros futuros?
Seria mais fácil pagar logo 30 milhões e usar a camisa...

O que tu diz não tem sentindo nenhum...

Nenhum!

Publicidade

João Henrique Azevedo #337 @joao.henrique.azeved em 27/01/2019 às 18:40

Kkikkk

Velho, se o valor da camisa é 25 milhões Quem em sã consciência vai fixar 25.milhões e dar lucros futuros?
Seria mais fácil pagar logo 30 milhões e usar a camisa...

O que tu diz não tem sentindo nenhum...

Nenhum!

Itamar #35 @sr.fulano em 27/01/2019 às 14:54

" "

Cara, ninguém está jogando contra, só falando a realidade é o sentimento não te deixa enxergar.

As contas e o espaço na camisa são coisas diferentes, produtos diferentes.

O espaço na camisa sempre teve seu valor próprio de mercado que fica em torno de 25 milhões.

Se o fixo é de 12 milhões acaba sendo referente a exposição na camisa, uma diferença de 13 milhões.

O clube já sai no prejuízo, pois sempre vendeu um espaço por um valor maior sem depender da ação dos torcedores.

Entendeu agora?

O Corinthians já entrou desvalorizado um produto seu que o espaço da camisa.

Vamos supor que até o final do ano o lucro com as contas gerem 26 milhões, como 50% vai para o Corinthians seria 13 milhões, isso só completa o valor real da camisa do clube.

Por que acha que o Banco fez lucro dividido em 50%, acha que ele são bonzinhos?

Eles já estão com uma vantagem em cima do clube de 13 milhões.

PPR ISSO QUE DIGO QUE A IDEIA É BOA MAS A FORMA FOI RUIM.

Se o valor fixo fosse maior ao ponto de não ser tão diferente do valor do espaço na camiseta ótimo.

Se fosse uns 20 milhões, assim seria uma parceria de risco para os dois.

Mas do jeito que está os riscos ficaram todo com o clube.

Valeu amigo.

Itamar Fulano #35 @sr.fulano em 27/01/2019 às 15:10

Tem outro detalhe que poucos estão entendendo.



O espaço na camisa é a venda de contas são produtos diferentes.



O espaço na camisa vale 25 milhões e é um produto do clube que tem seu valor próprio.



Ao ele fazer um fixo com o BANCO de 12 milhões que já está expondo a marca na camisa, ele vendeu o espaço por 13 milhões a menos.



Aí muitos dizem as mas o arrecadado no variável pode ser enorme.



Supondo que em contas movimentada até o final do ano consigam 26 milhões, 50% vai para o Corinthians, isso seria 13 milhões.



Só isso apenas completaria o valor real da camisa do clube que vendia para outra empresas sem deles é ação de torcedores.



Então o clube já sai com 13 milhões atrás.



Por que acham que o Banco fez lucro dividido em 50%, são bonzinhos? Claro que não!



Eles já estão usando um espaço na camisa que custa 25 milhões por 12 milhões, ou seja economizaram já 13 milhões.



É o que pode vir depois é tirado do possível lucro das contas que é um variável.



NÃO É QUE A IDEIA É RUIM só FOI MAL FEITA O RISCO FICOU TODO COM O CLUBE.



Se o fixo fosse maior, pelo menos 20 milhões, não seria tão inferior ao valor do espaço da camisa.



Assim o risco seria das duas partes.



Mas do jeito que ficou o risco é todo do clube.

Ricardo #4938 @piteros em 27/01/2019 às 14:19

" "

O negócio é pior... O Presidente disse que são 12 milhões de 2019,12 milhões de 2020 (adiantado) e 6 milhões de projeção de lucro!

Então...

2019 não tem mais nada do banco, só entra dinheiro se vender os serviços do banco...

2020 não tem mais nada do banco, só entra dinheiro se vender os serviços do banco...

E a tal plataforma ainda nem existe!

Lembrando que temos a projeção do Naming Rights até hoje!

Parabéns Diretoria!

Itamar Fulano #35 @sr.fulano em 27/01/2019 às 14:54

Cara, ninguém está jogando contra, só falando a realidade é o sentimento não te deixa enxergar.

As contas e o espaço na camisa são coisas diferentes, produtos diferentes.

O espaço na camisa sempre teve seu valor próprio de mercado que fica em torno de 25 milhões.

Se o fixo é de 12 milhões acaba sendo referente a exposição na camisa, uma diferença de 13 milhões.

O clube já sai no prejuízo, pois sempre vendeu um espaço por um valor maior sem depender da ação dos torcedores.

Entendeu agora?

O Corinthians já entrou desvalorizado um produto seu que o espaço da camisa.

Vamos supor que até o final do ano o lucro com as contas gerem 26 milhões, como 50% vai para o Corinthians seria 13 milhões, isso só completa o valor real da camisa do clube.

Por que acha que o Banco fez lucro dividido em 50%, acha que ele são bonzinhos?

Eles já estão com uma vantagem em cima do clube de 13 milhões.

PPR ISSO QUE DIGO QUE A IDEIA É BOA MAS A FORMA FOI RUIM.

Se o valor fixo fosse maior ao ponto de não ser tão diferente do valor do espaço na camiseta ótimo.

Se fosse uns 20 milhões, assim seria uma parceria de risco para os dois.

Mas do jeito que está os riscos ficaram todo com o clube.

Valeu amigo.

João #337 @joao.henrique.azeved em 27/01/2019 às 10:38

" " 1- Não temos acesso a NENHUM documento que diga que o Corinthians só receberá dinheiro de adesões.

2- Ingenuidade achar que bancos só recebem dinheiro por anuidade

3- A palavra certa é negócio de RISCO, porém não precisamos que os 30 milhões criem uma conta, se 5% criarem já rende uma grana absurda ao clube.

4- O prazo de 5 anos é curtíssimo para um clube de futebol, caso não dê certo tem tempo hábil pra se recuperar

5- Não existe negócio de alto retorno sem grande risco, e nesse caso o Corinthians assumiu o risco e pode ter um retorno muito acima

6- Nada a ver essa história de quem foi você que completou o valor e não o banco, meu Deus que loucura velho. O banco faz uma parceria com a imagem do clube, disponibiliza todo o aparato, o App e divide os lucros com o Corinthians.

Repense, nessa parceria o Corinthians tem todas as condições de tirar bem mais que 30 milhões por ano, mas se ficarem jogando contra como você, Aí realmente vai ficar difícil.

Ricardo Alves #4.938 @piteros em 27/01/2019 às 14:19

O negócio é pior... O Presidente disse que são 12 milhões de 2019,12 milhões de 2020 (adiantado) e 6 milhões de projeção de lucro!

Então...

2019 não tem mais nada do banco, só entra dinheiro se vender os serviços do banco...

2020 não tem mais nada do banco, só entra dinheiro se vender os serviços do banco...

E a tal plataforma ainda nem existe!

Lembrando que temos a projeção do Naming Rights até hoje!

Parabéns Diretoria!

Ricardo Alves #4.938 @piteros em 27/01/2019 às 13:47

Onde está o profissionalismo, por que não foi transparente? Temos uma economia difícil no país e se não atingir essa projeção? Só cai 12 milhões!

Também fizeram projeção de Name Rights e até agora... Nada?

É só a diretoria ser TRANSPARENTE e mostrar o contrato...Simples assim!

João Henrique Azevedo #337 @joao.henrique.azeved em 27/01/2019 às 13:25

116mil contas a depender do capital empregado já pode render uma beleza de lucro...

Diferentemente do FT uma conta de banco pode ser igualmente vantajosa pra todos, no caso do FT é melhor para quem mora em SP...

Emerson #4169 @emerson.fiel em 27/01/2019 às 12:51

" " Meu amigo tenho conta em dois bancos, cartão de crédito e um ou outro investimento, mesmo assim estava abrindo minha conta no BMG, ainda não finalizei porque tem de ser pelo App BMG Corinthians! Então não estou apenas torcendo que está parceria de.certo! Agora análise os dados, compare os patrocínios, para o banco se não abrir nenhuma conta é vantajoso? Com a cef foram aberto 9 mil contas... Realmente torço que você esteja certo seja aberto 1 milhão de contas. Agora na boa você já tentou entender porque tem mais de 30 milhões e apenas 116 mil sócio torcedor? Eu sei o que isso tem haver com o banco...

Emerson A #4.169 @emerson.fiel em 27/01/2019 às 12:51

Meu amigo tenho conta em dois bancos, cartão de crédito e um ou outro investimento, mesmo assim estava abrindo minha conta no BMG, ainda não finalizei porque tem de ser pelo App BMG Corinthians! Então não estou apenas torcendo que está parceria de.certo! Agora análise os dados, compare os patrocínios, para o banco se não abrir nenhuma conta é vantajoso? Com a cef foram aberto 9 mil contas... Realmente torço que você esteja certo seja aberto 1 milhão de contas. Agora na boa você já tentou entender porque tem mais de 30 milhões e apenas 116 mil sócio torcedor? Eu sei o que isso tem haver com o banco...

João #337 @joao.henrique.azeved em 27/01/2019 às 10:43

" " Mds, banco não vive só de anuidade e juros de cartão de crédito meu jovem...

Vocês ainda nem sabem as condições da conta e já tão confabulando.

E outra essa história de novas adesões não faz sentido, visto que para abrir uma conta é totalmente gratuito, tem um erro de muita gente nessa interpretação.

Os 50% vem dos rendimentos das novas adesões, Quando você bota dinheiro em um banco, ele não fica parado, o banco usa ela em investimentos e é isso que o Corinthians vai ter direito 50% dos investimentos de todos que abrirem conta no App.

Então se pelo menos 1 milhão de Corinthianos abrirem conta já rende um bom lucro. Vamo parar de choro e abrir a conta! E pelo que se especula a conta vai ser digital sem custos...

João Henrique Azevedo #337 @joao.henrique.azeved em 27/01/2019 às 10:43

Mds, banco não vive só de anuidade e juros de cartão de crédito meu jovem...

Vocês ainda nem sabem as condições da conta e já tão confabulando.

E outra essa história de novas adesões não faz sentido, visto que para abrir uma conta é totalmente gratuito, tem um erro de muita gente nessa interpretação.

Os 50% vem dos rendimentos das novas adesões, Quando você bota dinheiro em um banco, ele não fica parado, o banco usa ela em investimentos e é isso que o Corinthians vai ter direito 50% dos investimentos de todos que abrirem conta no App.

Então se pelo menos 1 milhão de Corinthianos abrirem conta já rende um bom lucro. Vamo parar de choro e abrir a conta! E pelo que se especula a conta vai ser digital sem custos...

Emerson #4169 @emerson.fiel em 26/01/2019 às 23:12

" "

Kkkk

Você entendeu que estes 50% serão somente das novas contas abertas através do app BMG Corinthians que ainda não foi nem lançado? Não tem nada haver com o lucro do banco...kkk.

Alguns bancos compram taxa mensal por conta corrente, anuidade por cartão de credito, altas taxas por investimentos. Se o BMG for nesta linha terá poucas contas novas. Quer um exemplo não pago nada mensal para o Itau, cartão de crédito não pago nada para o Nubank, tem um corretora legal para investimentos. Apesar disso quero mudar para o BMG, mas tem de ser bom pra mim, diferente do Andrés que pode cometer erro com dinheiro dos outros, eu não tenho este privilégio.

João Henrique Azevedo #337 @joao.henrique.azeved em 27/01/2019 às 10:38

1- Não temos acesso a NENHUM documento que diga que o Corinthians só receberá dinheiro de adesões.

2- Ingenuidade achar que bancos só recebem dinheiro por anuidade

3- A palavra certa é negócio de RISCO, porém não precisamos que os 30 milhões criem uma conta, se 5% criarem já rende uma grana absurda ao clube.

4- O prazo de 5 anos é curtíssimo para um clube de futebol, caso não dê certo tem tempo hábil pra se recuperar

5- Não existe negócio de alto retorno sem grande risco, e nesse caso o Corinthians assumiu o risco e pode ter um retorno muito acima

6- Nada a ver essa história de quem foi você que completou o valor e não o banco, meu Deus que loucura velho. O banco faz uma parceria com a imagem do clube, disponibiliza todo o aparato, o App e divide os lucros com o Corinthians.

Repense, nessa parceria o Corinthians tem todas as condições de tirar bem mais que 30 milhões por ano, mas se ficarem jogando contra como você, Aí realmente vai ficar difícil.

Itamar #35 @sr.fulano em 27/01/2019 às 00:08

" "

Cara com todo respeito, mas ignorância está sendo sua amigo.



O lucro não é em cima do Banco é sim em cima de um produto específico em cima de uma variável subjetiva. De adesão de torcedores, economia do país, crises externas.



É onde o Banco já sai ganhando pois um espasmo de exposição que custa 25 a 30 milhões ele pagou 12 milhões.



Uma diferença de 18 milhões.



AI vamos supor que a abertura de contas rende os 18 milhões e completa 30 milhões pelo menos.



Mesmo assim esses 18 milhões veio do lucro das contas do torcedor o Banco só repassou.



NO FINAL QUEM COMPLETOU O VALOR DO PATRICINIO MASTER FOI VOCÊ É não O BANCO.



Antes pagavam isso sem o torcedor fazer nada.



Fora que o clube só ter a lucro se a variável for bem.



A ideia seria boa se o fixo fosse uns 20 milhões e o variável poderia ser menor.



Assim seria uma parceria com riscos para os dois lado.



Mas do jeito que ficou os riscos ficou todo com o Corinthians.



Nenhum empresários sério faria isso, colocar o futuro da sua empresa toda em uma variável tão subjetiva.



MAS O POVO ESTA EMBRIAGADO DE EMOÇÃO E NÃO ENXERGAM ISSO.



Bem cabe a nós tentar ajudar, pois é o clube que amamos.



Mas foi um péssimo negócio.