Ganso responderá a inquérito no TJD/SP por entrada em Ronaldo

Ganso responderá a inquérito no TJD/SP por entrada em Ronaldo

Por Meu Timão

 O meia santista Paulo Henrique Ganso confessou uma entrada dura em Ronaldo Fenômeno depois do jogo contra o Corinthians, e assim se tornou alvo do Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo (TJD/SP). Um inquérito será instaurado para apurar a declaração do jogador e o meia pode ser denunciado e punido.

Segundo apurou a reportagem do site Justicadesportiva.com.br, o pedido de abertura de inquérito partiu do presidente do TJD/SP, Ivaney Cayres de Souza, que não gostou nada de ouvir a confissão de Paulo Henrique Ganso. O jogador do Santos seria ouvido nesta semana, mas a pedido do departamento jurídico do clube, isso só ocorrerá mais adiante, em função de compromissos em campo.

No dia 28 de fevereiro, o Santos recebeu o Corinthians na Vila Belmiro e venceu por 2 a 1. Mas o jogo foi quente desde o início, mais precisamente logo que a bola rolou no círculo central. Paulo Henrique deu uma entrada dura em Ronaldo e deixou o atacante caído no gramado.

Apesar de o árbitro da partida sequer ter dado cartão ao meia, o jovem santista afirmou que o lance foi de propósito. "A entrada no Ronaldo foi para dar uma acordada nele. Para dizer 'você não está no Pacaembu, está na Vila Belmiro'. Foi de propósito", disse Ganso ao jornal Agora.

Fonte: UOL

Veja Mais:

  • Renê Júnior está na mira do Corinthians para 2018

    Corinthians negocia com volante do Bahia como possível contratação para 2018

    ver detalhes
  • O GERENTE ENLOUQUECEU

    VÍDEO: O GERENTE ENLOUQUECEU

    ver detalhes
  • Jô e Guilherme Arana estão na seleção da Bola de Prata

    Jô volta a falar do desejo de jogar Libertadores, mas não crava permanência no Corinthians

    ver detalhes
  • Com saída de Adriano, Marquinhos herdou a camisa 10 do Timão na Libertadores 2012

    Campeão em 2011, Marquinhos diz ter celebrado hepta do Corinthians e ensaia retorno

    ver detalhes

Como Ganso deve ser punido?

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes