Andrés Sanches: 'Se não assinar até dia 4 ou 5 não tem estádio de Copa'

Andrés Sanches: 'Se não assinar até dia 4 ou 5 não tem estádio de Copa'

Apesar de estar confiante no acordo, o presidente do Corinthians, Andrés Sanches, mostrou que tem pressa pela assinatura do contrato com a Odebrecht para a construção do estádio alvinegro, em Itaquera, zona leste de São Paulo. O dirigente aguarda também pela aprovação do projeto de lei que prevê incentivos fiscais para a arena.

- Se não assinar até dia 4 ou 5 (de julho) não tem estádio de Copa. Mas está bem encaminhado. As coisas são complicadas. Para 45 mil pessoas, era um estádio. Para a abertura de Copa, é outro. São muitos detalhes, mas estamos próximos – afirmou à Rádio Jovem Pan.

Corinthians e Odebrecht, aliás, travam nos bastidores uma batalha para decidir qual o valor do estádio. O clube promete não pagar mais do que R$ 700 milhões pela obra e garante que tem outras propostas semelhantes ao montante desejado. Já a construtora projeta um custo de pouco mais de R$ 1 bilhão.

O acerto precisa acontecer nos próximos dias. A Fifa exige que o Corinthians apresente até o dia 12 de julho as garantias financeiras de que o estádio realmente será levantado. Sem elas, São Paulo deixará de ser uma das sedes da Copa do Mundo de 2014. Mesmo sem o torneio, o Timão promete que sua arena ficará pronta.

- Estou como estava há cinco ou seis meses. Mudou tudo porque o estádio virou de abertura de Copa. Mas o estádio é uma realidade. É questão de tempo para ficar pronto – ressaltou.

Para que a assinatura do contrato seja feita, o Corinthians depende também a aprovação do projeto de lei para os incentivos fiscais. Ele deve voltar à pauta na próxima terça-feira. O montante, concedido através dos Certificados de Incentivo ao Desenvolvimento (CID), são de R$ 420 milhões.

- Eles (vereadores) têm o tempo deles, eu respeito. Ninguém vai fazer um cheque e dar para o Corinthians. É um incentivo que, depois de todos os requisitos estarem prontos, vai ter um grande benefício de arrecadação e aí vai descontar a diferença. Existe incentivo fiscal para quem for fazer uma empresa na zona leste também – completou o presidente.

Andrés Sanches: 'Se não assinar até dia 4 ou 5 não tem estádio de Copa'

Fonte: Globo Esporte

Enviado por: kayque cardoso

Veja Mais:

  • Romero foi bastante participativo no primeiro tempo, mas 'sumiu' na etapa final

    Sem criar chance de gol, Corinthians cai na pilha do Racing e é eliminado da Sul-Americana

    ver detalhes
  • Rodriguinho foi expulso após dar solada no atleta adversário

    Fiel não perdoa, e Rodriguinho beira nota zero em eliminação do Corinthians na Argentina

    ver detalhes
  • Rodriguinho deixou El Cilindro sem conversar com a imprensa

    Rodriguinho pede desculpas ao elenco por expulsão, mas opta pelo silêncio na zona mista

    ver detalhes
  • Adauto falou com a imprensa na saída do estádio El Cilindro

    Diretor do Corinthians detona arbitragem na Argentina: 'Verdadeiros artistas'

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes