Corinthians se beneficia com doping de César Cielo e cia

Corinthians se beneficia com doping de César Cielo e cia

1.4 mil visualizações 0 comentários Comunicar erro

Os dopings por furosemida de César Cielo, Vinícius Waked, Henrique Barbosa e Nicholas Santos no Troféu Maria Lenk beneficiaram o Corinthians. Com a anulação dos resultados obtidos pelos atletas que testaram positivo fizeram o clube paulista conquistar o título da competição masculina e subir do quarto para o terceiro lugar na classificação geral.

"Foi ótimo porque esse resultado é um prêmio ao trabalho que estamos fazendo no clube. Estamos perseguindo esse terceiro lugar geral faz tempo. Infelizmente aconteceu dessa forma, mas é o regulamento", afirmou Danilo Mello, assessor de esportes aquáticos do Corinthians.

No masculino, o Corinthians tinha ficado em segundo lugar, atrás do Minas Tênis Clube e os pontos perdidos com a eliminação de Vinícius Waked fizeram com que o clube paulista ficasse com o título.

No geral, mesmo tendo perdido os pontos de Waked, o Minas levou o título. Mas o Corinthians ganhou o terceiro lugar do Flamengo, que despencou na classificação pelos pontos perdidos pela anulação dos resultados do trio César Cielo, Henrique Barbosa e Nicholas Santos.

Corinthians se beneficia com doping de César Cielo e cia

Fonte: Espn

Enviado por: Matheus Rodrigues

Veja Mais:

  • Camacho (à dir.) está escalado para pegar o Red Bull nesta segunda

    Carille confirma Corinthians com mudanças para jogo em Campinas; confira escalação

    ver detalhes
  • Com Rodriguinho, Timão entra em campo na noite desta segunda-feira

    Contra Red Bull, Corinthians pode abrir seis pontos na liderança; veja classificação do Paulistão

    ver detalhes
  • Marllon já posou para foto com a camisa do Corinthians

    Corinthians anuncia contratação de Marllon, que assina contrato de quatro temporadas

    ver detalhes
  • Marllon assinou contrato até dezembro de 2021

    Campeão da Copinha? Da Série B? Conheça mais sobre o zagueiro Marllon, reforço do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes