Médico do Corinthians cobra perda da peso de Adriano

Médico do Corinthians cobra perda da peso de Adriano

Por Meu Timão

1.4 mil visualizações 0 comentários Comunicar erro

Estreia de Adriano no Corinthians deve ser contra o Atlético-GO

Estreia de Adriano no Corinthians deve ser contra o Atlético-GO

Foto: Mauro Horita/Agif/Gazeta Press

O Corinthians projeta a estreia de Adriano para o dia 9 de outubro, contra o Atlético-GO no Pacaembu. O jogador, porém, como ele mesmo admite, ainda precisa perder três ou quatro quilos para chegar a um estágio considerado ideal.

Consultor médico do clube, Joaquim Grava cobra um esforço maior do atacante, para que a recuperação do atacante não tenha riscos.

"A recuperação dele vem sendo satisfatória pelo tipo de lesão que ele teve, no tendão de Aquiles. A única coisa que eu acho, vendo de longe, é que ele poderia estar perdendo um pouco mais de peso. Esse peso que ele está agora prejudica na cirurgia, tem que perder, senão vai ter uma sobrecarga", alertou, ao programa de televisão SP Acontece.

"Se ele perder uns três ou quatro quilos nesses próximos dias, a recuperação vai ser melhor, pode ter certeza", acrescentou.

Fonte: Terra

Veja Mais:

  • Avelar tende a receber nova chance como titular do Corinthians na capital paranaense

    Carlos joga 45 minutos pela Seleção Sub-20, e Corinthians deve ter Avelar contra Atlético-PR

    ver detalhes
  • Carlos Augusto, que está na Seleção Brasileira Sub-20, embarca de Goiânia; Vital e os demais viajam para Curitiba saindo de São Paulo

    Com Carlos Augusto, Corinthians relaciona 23 jogadores para enfrentar o Atlético-PR

    ver detalhes
  • Corinthians caiu nas oitavas de final da Sul-Americana 2017, para o Racing (ARG)

    Menos tenso, Corinthians busca a Sul-Americana 2019; seis motivos mostram importância do torneio

    ver detalhes
  • Andrés Sanchez e Matias Ávila participaram do Papo Reto desta terça-feira

    Déficit do Corinthians sobe para R$ 26 milhões, mas diretoria comemora ao comparar com 2017

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes