Técnico do Shakhtar confirma que Willian, é do Anzhi. Corinthians receberá 5% do valor

Técnico do Shakhtar confirma que Willian, é do Anzhi. Corinthians receberá 5% do valor

O técnico do Shakhtar Donetsk, Mircea Lucescu, confirmou a venda do meia Willian, ex-Corinthians, para o Anzhi Makhachkala, da Rússia, por 35 milhões de euros.

O jogador de 24 anos, que foi grande destaque na boa campanha dos ucranianos na primeira fase da Liga dos Campeões desta temporada, também havia sido pretendido pelo Chelsea e pelo Tottenham, mas a oferta russa foi muito superior.

Lucescu ainda revelou, em entrevista ao Sport Express após um amistoso contra o CSKA, que tentou convencer a Willian a não aceitar a proposta, mas, com o Anzhi disposto a pagar o valor estipulado na cláusula de rescisão do contrato do meia, não havia nada que pudesse fazer para impedí-lo de ir.

"Foi uma decisão pessoal dele e devemos respeitá-la. Sinceramente, tentei conversar com ele sobre o futebol. Acho que foi uma escolha apressada e errada. O Willian é como um filho para mim. Por que ele não me ouviu? Talvez ele tenha sofrido uma pressão muito grande do seu empresário e dos seus amigos. No fim, ele não conseguiu resistir," disse.

Willian é esperado nesta sexta-feira na Rússia, onde irá realizar exames médicos. O contrato deve ser de quatro anos e meio.

Fonte: Goal.com

Veja Mais:

  • Rodriguinho foi um dos destaques do duelo na Arena; arbitragem bastante questionável

    Juiz 'esquece' pênaltis, Corinthians para na retranca do Vitória e perde a primeira no Brasileirão

    ver detalhes
  • Jô teve atuação discreta na derrota para Vitória

    Cássio é eleito destaque de derrota do Corinthians; quarteto ofensivo destoa

    ver detalhes
  • Arena Corinthians recebeu 42.075 pagantes nesta tarde de sábado

    Fiel canta na Arena após primeira derrota do Corinthians no Brasileirão

    ver detalhes
  • Balbuena está fora do confronto de quarta-feira

    Balbuena leva terceiro amarelo, e Corinthians enfrentará Chape com zaga de jovens da base

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes