Band e Corinthians definem futuro da TV Corinthians na próxima segunda

Band e Corinthians definem futuro da TV Corinthians na próxima segunda

Uma reunião na próxima segunda, 25, pode definir o futuro da TV Corinthians. O canal, conforme nota publicada pela coluna Outro Canal, da Folha de S. Paulo, está sendo comprado pela Rede Bandeirantes. Este noticiário apurou que o grupo de mídia e o clube definirão o modelo da parceria na próxima segunda. Somente depois será fechado o contrato de compra do canal, que hoje pertence à Rede TV+.

Segundo Carlos Carreiras, proprietário da Rede TV+ e, por enquanto, da TV Corinthians, a parceria atual com o clube prevê um mínimo garantido para o canal e o rateio do montante excedente.

O canal, conta o empresário, será 70% da Band e 30% da produtora NBC, de Vagner de Oliveira, que já é sócio do grupo de mídia em outras empresas.

Carreiras explica que o canal demanda muitos recursos para uma empresa do porte da sua. "O Corinthians é muito grande para o que eu poderia oferecer", diz o empresário, que chegou a produzir seis horas diárias de conteúdo inédito para o canal. Com a venda, Carreiras espera poder usar a infraestrutura técnica para outros projetos.

A TV Corinthians é distribuída pela Vivo TV e pela Oi TV e conta com conteúdos como os bastidores do time de futebol e programas sobre outros esportes praticados no clube, como o MMA.

Da Redação.

Fonte: Tela Viva - PayTV News

Veja Mais:

  • Centroavante Jô, 'Rei dos Clássicos', voltou a deixar o dele neste domingo

    Corinthians despacha São Paulo e vai à final do Paulistão contra Ponte Preta

    ver detalhes
  • Rodriguinho completou 100 partidas pelo Corinthians diante do São Paulo

    Rodriguinho responde se Corinthians é favorito ao título diante da Ponte

    ver detalhes
  • Mosaico da torcida antes do Majestoso

    Imagem! Mosaico no setor Leste da Arena Corinthians

    ver detalhes
  • Uniformes que serão usados na temporada 2017

    Em dia de São Jorge, Corinthians anuncia novos uniformes oficiais

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes