Alessandro comemora parceria com Renato pelo lado direito

Alessandro comemora parceria com Renato pelo lado direito

640 visualizações 3 comentários Comunicar erro

O Corinthians venceu e convenceu nesta última quarta-feira, ao bater o Tijuana, pela Libertadores, pelo placar de 3 a 0. Alessandro, em declarações dadas nesta quinta ao site oficial do alvinegro paulista, comemorou a parceria formada com Renato Augusto pelo lado-direito.

"“Fico feliz, né? O jogo era importante, estávamos enfrentando o líder da chave. O lado direito funcionou bem com o Renato e também quando o Danilo caiu por ali. Mas funciona também com o Jorge. O Edenílson foi muito bem contra o Ituano. O que conta é o resultado final, a dedicação de todos”, disse.

Alessandro ainda refletiu a respeito da fase vivida por Sheik. Não vendo 'queda de rendimento' por parte do atacante, o lateral-direito ressalta a determinação do mesmo nos treinamentos.

"Eu não acredito em queda de rendimento dele. O Emerson tem treinado muito, quem esteve aqui sabe que ele fez uma pré-temporada maravilhosa. Ele está se dedicando muito aos treinamentos, jogou bem as partidas iniciais e teve uma situação de problema extracampo, perdeu a posição por isso. Agora está trabalhando e levando a sério, não existe momento ruim", completou.

Fonte: FutNet

Veja Mais:

  • Técnico da equipe colombiana não poupou elogios ao Corinthians

    Técnico do Millonarios se impressiona com Corinthians: 'Um dos favoritos ao título'

    ver detalhes
  • Paulo Roberto deve ser titular diante do Internacional

    Reapresentação do Corinthians indica um único titular contra Internacional; Sheik é ausência

    ver detalhes
  • Rodriguinho jogou amistoso pelo Brasil em junho de 2017, contra Austrália

    Rodriguinho, do Corinthians, compõe lista de suplentes da Seleção para Copa do Mundo

    ver detalhes
  • Estacionamento da Arena possui capacidade para comportar 1,3 mil veículos

    Corinthians supera imbróglio e anuncia nova gestora do estacionamento da Arena

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes