FIFA: Paulinho é cortado da Seleção

FIFA: Paulinho é cortado da Seleção

FIFA: Paulinho é cortado da Seleção

FIFA: Paulinho é cortado da Seleção

O volante Paulinho, do Corinthians, não poderá jogar pela Seleção Brasileira nos próximos dias 21 e 25 de março, nos amistosos contra Itália e Rússia, respectivamente. De acordo com a assessoria de imprensa da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), o jogador sofreu uma contuão na coxa esquerda e foi vetado pelo departamento médico.

Segundo a entidade máxima do futebol brasileiro, o problema do atleta de 24 anos não é grave. No entanto, o corintiano não poderia treinar com o time de Felipão antes dos amistosos. Após conversa entre José Runco e Joaquim Grava, médicos da Seleção e do Corinthians, a decisão do corte foi tomada.

Computado o desfalque, a comissão técnica do Brasil também decidiu que ninguém será convocado para substituir o volante. Felipão terá como opções Fernando, do Grêmio, Hernanes, da Lazio, Jean, do Fluminense, Luiz Gustavo, do Bayern de Munique, e Ramires, do Chelsea.

Esta é a segunda baixa para o treinador da equipe canarinho: com lesão no tornozelo, o meia Lucas, do Paris Saint-Germain, também foi cortado, dando lugar ao atacante Osvaldo, que vive boa fase no São Paulo.

Fonte: FIFA

Veja Mais:

  • Paulo Garcia lança chapa com Flávio Adauto (direita) e Emerson Piovesan (esquerda)

    Clube-empresa, veto ao irmão Fernando e 'anti-Crefisa': Paulo Garcia lança chapa no Corinthians

    ver detalhes
  • Fifa atualiza ranking de campeões mundiais; Corinthians é o melhor brasileiro

    Fifa atualiza ranking, e Corinthians é melhor brasileiro e único bicampeão mundial reconhecido

    ver detalhes
  • Tréllez foi autor do gol da Vitória sobre o Corinthians na Arena no Brasileirão-2017

    Diretoria do Vitória tem reunião para discutir transferência de Tréllez ao Corinthians

    ver detalhes
  • Adauto (ao centro) classificou Corinthians como 'melhor vitrine do futebol brasileiro'

    Ex-Corinthians, Adauto defende Alessandro e minimiza falta de poder financeiro: 'Melhor vitrine'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes