Eduardo Suplicy pede informações sobre corintianos presos na Bolívia

Eduardo Suplicy pede informações sobre corintianos presos na Bolívia

BRASÍLIA (Agência Senado) - O senador Eduardo Suplicy (PT-SP) comunicou ao Plenário, nesta quinta-feira (21), ter enviado um pedido de informações ao ministro das Relações Exteriores, Antônio Patriota, acerca dos 12 corintianos presos há quase um mês na Bolívia, acusados da morte do jovem boliviano Kevin Espada, atingido no rosto por um sinalizador na partida entre San José e Corinthians, pela Copa Libertadores.

O senador encaminhou ao ministro carta que recebeu de Paula Cristina da Silva, prima de um dos presos, Danilo Oliveira, falando da situação do rapaz. Segundo a carta, é possível ver nas fotos e nos vídeos feitos durante o jogo que Danilo tocava um instrumento de percussão no momento em que o sinalizador foi lançado. Sendo assim, o rapaz não teria envolvimento com o crime.

Suplicy relatou ainda que, na correspondência que lhe enviou, Paula diz que o primo tem curso superior, trabalhava e não era deliquente. Mas, depois de quase 30 dias preso, já perdeu cerca de doze quilos, também o emprego e está debilitado física e emocionalmente. Por isso, a família, de Vila Arriete, em São Paulo, pediu ao senador que intercedesse para reforçar a ajuda da presidente Dilma Rousseff e dos advogados que cuidam do caso na Bolívia.

- Diante do teor da carta e da dificuldade sofrida por todos os detidos na Bolívia, peço esclarecimentos que subsidiem uma resposta a Paula – pediu o senador ao ministro.

Suplicy também manifestou condolências à família de Kevin Espada e a todos os bolivianos e a preocupação com o comportamento das torcidas brasileiras, às vésperas da Copa do Mundo no país.

Fonte: oreporter.com

Veja Mais:

  • Rodriguinho enfrenta o Patriotas na Colômbia; fora Gabriel, Carille promove quatro novidades

    Em treino na Colômbia, Carille define escalação do Corinthians para jogo da Sul-Americana

    ver detalhes
  • Cássio ergue taça de campeão paulista 2017; jogador está perto de atingir 300 jogos

    Perto dos 300 jogos, Cássio elege Corinthians de 2017 o melhor grupo do qual fez parte

    ver detalhes
  • Da arquibancada para o campo: estádio de adversário do Corinthians não tem alambrado; veja vídeo

    Da arquibancada para o campo: estádio de adversário do Corinthians não tem alambrado; veja vídeo

    ver detalhes
  • Romarinho foi protagonista da final da Libertadores há cinco anos

    Viraliza na web versão de gol do Romarinho narrado por Galvão Bueno; assista

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes