São-paulinos choram após derrota e site do Timão ironiza rival

São-paulinos choram após derrota e site do Timão ironiza rival

22 mil visualizações 94 comentários Comunicar erro

O clássico entre São Paulo e Corinthians, disputado neste domingo de Páscoa (31), no Morumbi, e que terminou com vitória alvinegra por 2 a 1, de virada, foi recheado de polêmicas.

Enquanto os corintianos reclamaram de irregularidade no único gol tricolor, os donos da casa dispararam contra o árbitro Leonardo Bizzio pelo pênalti de Rogério Ceni em Pato, que definiu a virada alvinegra. Após a partida, Ganso foi o primeiro a detonar o apitador.

— Dá a vitória para eles [corintianos] logo. Não precisamos nem entrar em campo.

Osvaldo, que voltou da seleção brasileira e não conseguiu se apresentar bem, concordou com o camisa 8.

— Um pênalti duvidoso, que, para mim, não foi. O árbitro prejudicou nossa equipe, e, na minha opinião, o São Paulo merecia ter vencido.

Se os tricolores reclamaram, os alvinegros tiraram onda com a cara do rival. Logo após o fim do jogo, postaram no site oficial uma mensagem com espírito de Páscoa.

— Com sabor de chocolate!

Alexandre Pato, que sofreu o pênalti e marcou o gol da vitória, ironizou quando questionado se havia solado Rogério Ceni no lance.

— Pergunta lá para o árbitro. O que valeu foi o gol e a vitória.

Fonte: r7

Veja Mais:

  • Fábio Carille exibe a taça de heptacampeão brasileiro; treinador seguirá carreira na Ásia

    Fábio Carille deixa Corinthians e acerta com Al-Wehda, da Arábia Saudita

    ver detalhes
  • Osmar Loss (à esq.) sucede Carille no comando técnico do Corinthians

    Osmar Loss assume Corinthians após saída de Carille; estreia acontece nesta quinta

    ver detalhes
  • Carille, agora ex-Corinthians, acertou com Al-Wehda, do mundo árabe

    Corinthians divulga vídeo de agradecimento a Carille

    ver detalhes
  • Titulares do Corinthians foram a campo nesta terça-feira

    Titulares vão a campo, mas Carille não esboça time; jovem ganha atenção especial no fim do treino

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes