BM impediu o protesto no hotel do Corinthians em Porto Alegre

BM impediu o protesto no hotel do Corinthians em Porto Alegre

Por Meu Timão

Brigada Militar de Porto Alegre

Brigada Militar de Porto Alegre

Após a eliminação na Copa do Brasil para o Grêmio, os jogadores do Corinthians passaram o início desta quinta-feira com proteção policial no hotel em que estão hospedados, próximo ao Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre (RS). Uma viatura e uma microvan, com cerca de 15 soldados da Brigada Militar (BM), fizeram plantão no local. Segundo os policiais militares, eles ficariam por ali por toda a madrugada.

Por volta das 2h, um grupo com cerca de 30 torcedores do Timão que se deslocou da Arena para o hotel com o objetivo de realizar um protesto. Em poucos instantes, os policiais impediram a aproximação, solicitando que eles se retirassem para evitar confusões. Prontamente, foram atentidos.

A assessoria de imprensa do Corinthians não divulgou a programação da quinta-feira, mas a tendência é que os reservas treinem no CT do Inter e que embarquem para São Paulo por volta das 15h (horário de Brasília).

Fonte: Correio do Povo

Veja Mais:

  • Juninho Capixaba foi um dos destaques do Bahia na temporada.

    Corinthians rejeita ceder três jogadores pedidos pelo Bahia em negociação por lateral

    ver detalhes
  • Romero foi imprescindível ao Corinthians na conquista do Paulistão e do Brasileiro em 2017

    Luan volta a exaltar Romero e relaciona venda de Arana ao paraguaio: 'Pode colocar na conta dele'

    ver detalhes
  • Dupla 'Renadson' brilhou no Corinthians no Brasileirão de 2015

    Renato Augusto rasga elogios a Jadson e faz projeção sobre futuro do camisa 10 no Corinthians

    ver detalhes
  • Romarinho se especializou em marcar gols contra o Palmeiras: cinco em cinco Dérbis

    Prestes a enfrentar Real Madrid, Romarinho leva Corinthians ao maior jornal da Espanha

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes