BM impediu o protesto no hotel do Corinthians em Porto Alegre

BM impediu o protesto no hotel do Corinthians em Porto Alegre

Por Meu Timão

Brigada Militar de Porto Alegre

Brigada Militar de Porto Alegre

Após a eliminação na Copa do Brasil para o Grêmio, os jogadores do Corinthians passaram o início desta quinta-feira com proteção policial no hotel em que estão hospedados, próximo ao Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre (RS). Uma viatura e uma microvan, com cerca de 15 soldados da Brigada Militar (BM), fizeram plantão no local. Segundo os policiais militares, eles ficariam por ali por toda a madrugada.

Por volta das 2h, um grupo com cerca de 30 torcedores do Timão que se deslocou da Arena para o hotel com o objetivo de realizar um protesto. Em poucos instantes, os policiais impediram a aproximação, solicitando que eles se retirassem para evitar confusões. Prontamente, foram atentidos.

A assessoria de imprensa do Corinthians não divulgou a programação da quinta-feira, mas a tendência é que os reservas treinem no CT do Inter e que embarquem para São Paulo por volta das 15h (horário de Brasília).

Fonte: Correio do Povo

Veja Mais:

  • O Timão não conseguiu passar pelo Sorocaba na tarde deste domingo

    Gol ilegal e confusão da torcida: Corinthians/UNIP fica com o vice da Liga Paulista de Futsal

    ver detalhes
  • Carille comanda o Corinthians apenas nesta segunda no Rio de Janeiro

    Sem jogo do Corinthians, domingo tem encontro importante na briga pelo título; veja jogos e tabela

    ver detalhes
  • Corinthians/Guarulhos disputou a segunda rodada da Superliga de Vôlei neste domingo

    De virada, Corinthians/Guarulhos vence Minas e conquista primeira vitória na Superliga

    ver detalhes
  • Léo Príncipe, Maycon e Fagner estão na lista de jogadores divulgada pelo Corinthians

    Sem Pablo e Pedrinho, Corinthians relaciona 22 jogadores contra o Botafogo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes