Forbes coloca Corinthians como o 16º clube mais valioso do mundo

Forbes coloca Corinthians como o 16º clube mais valioso do mundo

Torcida corintiana vale ouro

Torcida corintiana vale ouro

Foto: Getty Images

' Se o ano não foi dos melhores para o Corinthians, pelo menos ele se encerra com uma boa notícia. Segundo lista divulgada pela conceituada revista Forbes, nesta terça-feira, o Timão é o clube mais valioso da América do Sul e o único latino entre os 20 maiores do mundo. No Ranking, que tem o Real Madrid na lista, o Corinthians aparece na 16ª posição.

Em novembro deste ano, a mesma revista já tinha indicado o Corinthians como o clube mais valioso da América do Sul, porém não trazia uma relação com outros clubes do mundo. Atual campeão mundial, o Corinthians está avaliado, segundo a Forbes, em 358 milhões de dólares (R$ 850 milhões).

Mais do que bem avaliado, o Corinthians ainda é elogiado pela revista, que indica que ao contrário da maioria dos clubes acima dele no ranking, não tem a ajuda de bilionários em sua administração. A Forbes ainda cita que o clube terá o seu estádio sendo o palco de abertura da próxima Copa do Mundo.

O líder da lista é o Real Madrid, que vale US$ 3,3 bilhões (R$ 7,84 bilhões). Na sequência, aparecem Manchester United e Barcelona, avaliados, respectivamente, em US$ 3,1 bilhões (R$ 7,37 bilhões) e US$ 2,6 bilhões (R$ 6,18 bilhões).

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Guilherme Arana disputará Sul-Americano no Equador

    Corinthianos são convocados para Sul-Americano Sub-20; Jabá fica fora

    ver detalhes
  • Moisés, de 21 anos, foi um dos destaques do Bahia em 2016

    Destaque do Bahia, lateral faz parte dos planos do Corinthians para 2017

    ver detalhes
  • Internacional foi alvo de gafe da Fifa

    Fifa comete gafe, troca escudo do Internacional e põe foto do Corinthians no lugar

    ver detalhes
  • Alan Mineiro não fica no Corinthians em 2017

    [Teleco] Alan Mineiro não fica no Corinthians em 2017

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes