Bruno César pede resposta rápida sobre proposta do Palmeiras

Bruno César pede resposta rápida sobre proposta do Palmeiras

Bruno César tem contrato com o Al Ahli, da Arábia Saudita, até o fim de 2015

Bruno César tem contrato com o Al Ahli, da Arábia Saudita, até o fim de 2015

Não é só a torcida do Palmeiras que aguarda ansiosa por um desenlace favorável ao clube na negociação pelo meia Bruno César. O jogador e seu empresário também esperam definir o quanto antes os passos que darão em 2014.

O Verdão enviou há mais de um mês uma proposta ao Al-Ahli (SAU), clube com o qual ele tem contrato até 2016. A intenção é repatriar Bruno por empréstimo gratuito e tê-lo no elenco alviverde por ao menos uma temporada.

A avaliação da diretoria palmeirense é que os árabes estão aguardando ofertas de outros clubes. A análise é corroborada pelo representante do atleta ex-Corinthians.

– Essa possibilidade de o clube esperar outras propostas existe, mas o desfecho tem que ser rápido. O jogador precisa saber se tem que voltar para a Arábia e o Palmeiras precisa montar o time – declarou Marcos Casseb, agente do atleta, em entrevista ao LANCE!Net.

Bruno César está no Brasil desde dezembro, quando voltou ao país para resolver problemas pessoas em Americana (SP), onde a sua família tem residência.

Fonte: lancenet!

Veja Mais:

  • Representante do Timão por Drogba volta ao Brasil e se encontra com Roberto de Andrade

    Representante do Timão por Drogba volta ao Brasil e se encontra com Roberto de Andrade

    ver detalhes
  • Pedrinho e Carlinhos marcaram na partida contra o Internacional

    Corinthians supera Internacional e conquista vaga para as quartas de final da Copinha

    ver detalhes
  • Flávio Adauto é diretor de futebol do Corinthians desde outubro de 2016

    Atrapalhado, diretor do Corinthians confunde Fellipe Bastos com reforço do rival

    ver detalhes
  • Corinthians provoca Internacional após classificação na Copinha

    Corinthians provoca Internacional após classificação na Copinha

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes