Paulistão: Corinthians levará imagens à polícia para punir vândalos

Paulistão: Corinthians levará imagens à polícia para punir vândalos

Paulistão: Corinthians levará imagens à polícia para punir vândalos

Paulistão: Corinthians levará imagens à polícia para punir vândalos

Embora tenha dito nesta segunda-feira, por meio de um pronunciamento, que a melhor forma de contornar a crise que atinge o Corinthians é promover um diálogo com os seus torcedores, o presidente Mário Gobbi afirmou que o clube está coletando imagens do circuito interno do CT Joaquim Grava e recrutando vítimas que estavam no local durante os atos violentos do último sábado. Este material será enviado à polícia, que também colherá depoimentos de jogadores e funcionários que foram alvo dos vândalos que invadiram o centro de treinamento corintiano.


'Vamos redigir uma solicitação de apuração dos fatos e inquérito policial porque foram configurados aqui no nosso CT alguns crimes como furto, ameaça e lesão corporal', disse Gobbi, ao comentar o episódio no qual até o peruano Paolo Guerrero, herói corintiano do título mundial de 2012, foi agredido no meio da confusão.

Ao falar sobre o papel do Corinthians nesta questão envolvendo membros de sua torcida, o dirigente enfatizou que o clube não tem como apurar o caso, lembrando que este é o papel da polícia. 'O clube não tem poder de fiscalização, não é nossa função policiar e controlar os torcedores. Vamos levar o caso para as autoridades competentes', disse, para também ressaltar: 'Como o Estado não tem função de montar time de futebol, nós não temos a responsabilidade de controlar a conduta do torcedor. Cada um cuida do seu'.

Gobbi ainda revelou que as imagens coletadas pelas câmeras do CT e repassada à polícia também não serão divulgadas para a imprensa. 'A pessoa que invadiu nosso CT no sábado pode saber que está nas imagens e tentar coagir algum funcionário nosso', explicou, assegurando que o clube não desistirá de punir, por meio da ação da polícia, os vândalos do episódio do último sábado. 'O Corinthians não defende a impunidade. As pessoas têm que responder pelos seus atos', destacou.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Corinthians/Audax atropelou Cerro Porteño em solo paraguaio

    Mulherada do Corinthians/Audax goleia donas da casa e se classifica para final da Libertadores

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians que se prepare: reta final do Brasileirão promete altas emoções

    Fim da rodada: Corinthians mantém vantagem, mas rivais alcançam Grêmio e embolam classificação

    ver detalhes
  • Corinthians foi hexacampeão brasileiro em 2015

    CBF define valores de premiação do Brasileirão-2017; Corinthians leva bolada se for campeão

    ver detalhes
  • Maltos brilhou diante do Grêmio, na Arena do adversário

    Goleiro defende quatro pênaltis, Corinthians bate Grêmio e avança na Copa do Brasil Sub-17

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes