Corinthians está próximo de bater recorde

Corinthians está próximo de bater recorde

Por Meu Timão

Mano arrumou o sistema defensivo do Corinthians

Mano arrumou o sistema defensivo do Corinthians

Foto: Rafael Neddermeyer/Foto Arena

A defesa do Corinthians melhorou tanto que está perto de bater um recorde histórico: em 2001, o Timão ficou 6 partidas sem levar um gol, fato que já igualou na atual campanha do clube.

Segundo a reportagem de Rodrigo Vessoni, jornalista do diário Lance, ao todo são 551 minutos do time sem levar um gol. Desde que Rodrio Caio marcou para o São Paulo há quase 2 meses, o Timão já passou pelo Penapolense (0x0), Bahia de Feira-BA (2x0), Atlético Sorocaba (3x0), Galo (0x0), Fla (2x0) e Nacional-AM (3x0).

A última vez que o clube ficou tanto tempo assim sem sofrer gols foi em maio e junho de 2001 jogando pelo Paulistão e pela Copa do Brasil, na ocasião o Corinthians passou pelo Atlético-PR, Botafogo SP, Atlético-PR, Botafogo SP, Ponte Preta (duas vezes) até que levou gol do Grêmio na final da Copa do Brasil.

Pra bater o recorde, o Corinthians precisa passar pela Chapecoense no próximo domingo (4), às 18h30, sem levar gols. Mano colocou o que tem de melhor para o confronto. A linha de zaga deverá ser formada por Fagner, Cléber, Gil e Fábio Santos.

Vaiii Corinthians!

Veja Mais:

  • Jogadores comemoram vaga na final do Paulista após eliminar o São Paulo na Arena

    FPF confirma datas, horários e locais das finais do Paulistão 2017

    ver detalhes
  • Raphael Claus tem um retrospecto polêmico em jogos do Timão

    Pivô de polêmicas, árbitro é escalado para jogo de ida da final entre Corinthians e Ponte Preta

    ver detalhes
  • Mosaico foi exibido antes do clássico desse domingo, entre Corinthians e São Paulo

    Corinthians publica vídeo do novo mosaico da Arena; assista

    ver detalhes
  • Centroavante Jô, 'Rei dos Clássicos', voltou a deixar o dele neste domingo

    Corinthians despacha São Paulo e vai à final do Paulistão contra Ponte Preta

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes