Jogadores entendem a torcida, mas pedem paciência com o time no brasileirão

Jogadores entendem a torcida, mas pedem paciência com o time no brasileirão

Por Larissa Emanuelle

Petros pede paciência mas afirma que o torcedor está no direito dele

Petros pede paciência mas afirma que o torcedor está no direito dele

Há três jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro, o Corinthians vive o seu primeiro momento de pressão na competição, principalmente após a derrota na inauguração oficial da Arena Corinthians. Mesmo com as cobranças intensas da torcida Corinthiana, os jogadores do Timão entendem a Fiel, mas pedem um pouco mais de paciência com o time no campeonato.

Recém contratados pela diretoria alvinegra, os volantes Petros e Bruno Henrique afirmam que já se acostumaram com a pressão da Fiel. O primeiro, destaque em desarmes no Campeonato Brasileiro, prefere ressaltar os pontos positivos da equipe.

"Perdemos apenas um jogo no campeonato, mas entendemos que a cobrança do torcedor é legítima. Ele quer a vitória e o melhor para o clube. Aqui no Corinthians, nunca está bom. A cobrança sempre será grande. Mas é um momento de transição, precisamos de paciência", afirmou o jogador.

Já Bruno Henrique, que herdou a vaga do lesionado Guilherme no time, concorda com a pressão e sabe que esta será rotina no clube.

"A cobrança é normal, o torcedor está no direito dele. Quando cheguei, sabia que o Corinthians era assim. Nosso time tem capacidade para jogar mais e vencer mais. Vamos melhorar a cada dia", disse o jogador.

O próximo compromisso do Timão será neste domingo, às 16h, contra o Sport, no Recife.

Veja Mais:

  • Fernando César (empresário), Roberto de Andrade, Pablo, Flávio Adauto e Alessandro em reunião

    Corinthians acerta permanência de Pablo; resta acordo com Bordeaux

    ver detalhes
  • Com derrota por 3 a 0 no placar agregado, Timão ficou com o vice do Brasileirão 2017

    Valente, Corinthians/Audax sofre nova derrota e é vice-campeão brasileiro de 2017

    ver detalhes
  • Walter não será liberado pelo Corinthians

    Corinthians bate o martelo e não libera Walter para o São Paulo; novo encontro no sábado

    ver detalhes
  • Meia sentiu a costela após dividida com Betão

    Jadson tem fratura constatada e desfalca Corinthians por um mês

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes