Corinthians calcula 65 horas entre as partidas e vê rival em vantagem

Corinthians calcula 65 horas entre as partidas e vê rival em vantagem

Por Meu Timão

Elias sabe que o tempo de descanso do Timão é bem menor

Elias sabe que o tempo de descanso do Timão é bem menor

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Corinthians terá muito pouco tempo para preparara seus jogadores para o clássico contra o São Paulo. Pela segunda semana seguida, o alvinegro tem partidas entre quinta e domingo e, dessa vez, a sequência é mais difícil.

Entre o final de uma partida e o começo da outra, os atletas do Timão terão cerca de 65 horas para se recuperar de um jogo e se preparar para o seguinte. O rival São Paulo, por sua vez, terá quase 24 horas a mais de tranquilidade.

- A vantagem é que eles jogam um dia antes, nós só jogamos na quinta à noite. Fizemos as contas e discutimos isso internamente, são 65 horas de intervalo entre os dois jogos. Vamos tentar superar tudo isso, porque precisamos vencer - disse o volante Elias.

Em um discurso voltado à seus jogadores durante a semana, Mano avisou que não quer o Timão pensando no clássico antes da Chapecoense.

- A semana de clássico sempre dá aquela ansiedade, é o primeiro clássico contra o São Paulo na Arena. Mas para chegar bem e com moral temos uma pedrinha pequena, e é nessas pedrinhas pequenas que costumamos tropeçar. Temos de fazer um grande jogo contra a Chapecoense - alertou Elias.

Com 36 pontos, o Corinthians quer vencer as duas partidas em casa para deslanchar na tabela e voltar a ameaçar os líderes.

Veja Mais:

  • Equipe feminina do Timão foi ao CT Joaquim Grava no início de novembro

    Corinthians renova parceria com Audax e confirma equipe feminina para 2017

    ver detalhes
  • Castán posta foto com taça do penta e recebe pedidos para voltar; veja

    Castán posta foto com taça do penta e recebe pedidos para voltar; veja

    ver detalhes
  • Marlone foi o destaque do treino desta quinta-feira

    Marlone marca, Caíque ganha chance e Oswaldo volta a ensaiar escalação do Corinthians

    ver detalhes
  • Alessandro é homem de confiança do presidente corinthiano

    Diretor de futebol refuta saída de Alessandro do Corinthians: 'Picuinha'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes