STJD instaura inquérito para avaliar homofobia no Majestoso

STJD instaura inquérito para avaliar homofobia no Majestoso

Por Meu Timão

Torcida será investigada por gritos homofóbicos

Torcida será investigada por gritos homofóbicos

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

A atuação do STJD parece não ter fim nesse campeonato brasileiro. Dessa vez, Paulo Schmitt quer instaurar um inquérito para apurar uma suposta discriminação homofóbica por parte das torcidas de São Paulo e Corinthians, durante o jogo do último domingo.

Além do inquérito, outras infrações, como briga entre torcedores do Timão, serão denunciadas e investigadas. O objetivo do inquérito é verificar se os cânticos revelam mera provocação ou se possuem cunho discriminatório.

Os presidentes das duas equipes, goleiros e árbitros podem ser convocados a depor sobre essa situação. Um auditor do Pleno vai ficar responsável por emitir um parecer final indicando a necessidade da denúncia ou arquivamento do caso.

Veja Mais:

  • Jadson e Fagner estão liberados para atuar na estreia da Copa Sulamericana

    Timão recebe aval da Conmebol para utilizar Jadson e Fagner; clube ainda quer documento

    ver detalhes
  • 'Herói' do Dérbi, Jô deve voltar a ganhar chance como titular diante do Mirassol. Tá querendo!

    Embalado pós-clássico, Corinthians coloca confiança à prova contra sensação do Paulistão

    ver detalhes
  • Camisas do Corinthians em promoção no ShopTimão

    Veja 7 camisas do Corinthians que você pode comprar por menos de 50 reais

    ver detalhes
  • Próximo desafio do Corinthians no Paulistão, Mirassol tem a melhor campanha do estadual

    Por que o Mirassol, adversário do Corinthians, virou a sensação do Paulistão 2017

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes