STJD instaura inquérito para avaliar homofobia no Majestoso

STJD instaura inquérito para avaliar homofobia no Majestoso

Por Meu Timão

Torcida será investigada por gritos homofóbicos

Torcida será investigada por gritos homofóbicos

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

A atuação do STJD parece não ter fim nesse campeonato brasileiro. Dessa vez, Paulo Schmitt quer instaurar um inquérito para apurar uma suposta discriminação homofóbica por parte das torcidas de São Paulo e Corinthians, durante o jogo do último domingo.

Além do inquérito, outras infrações, como briga entre torcedores do Timão, serão denunciadas e investigadas. O objetivo do inquérito é verificar se os cânticos revelam mera provocação ou se possuem cunho discriminatório.

Os presidentes das duas equipes, goleiros e árbitros podem ser convocados a depor sobre essa situação. Um auditor do Pleno vai ficar responsável por emitir um parecer final indicando a necessidade da denúncia ou arquivamento do caso.

Veja Mais:

  • Fora dos planos do Timão, Cristian é alvo do Jorge Wilstermann

    'De canto' no Corinthians, dupla é procurada por clube boliviano que está na Libertadores

    ver detalhes
  • Corinthians e Chapecoense dividem liderança da atual edição da Série A

    Chapecoense vence e empata com Corinthians na liderança do Brasileirão; veja a tabela

    ver detalhes
  • Timãozinho venceu o Mundial Sub-17 em 2015

    Maior campeão, Corinthians desiste do Mundial de Clubes Sub-17 por falta de dinheiro

    ver detalhes
  • Castán pertence á Roma, mas jogou a última temporada pelo Torino, também da Itália

    Com reunião agendada na Itália, pai de Castán não descarta retorno do zagueiro ao Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes