Fiorentina estaria tentando contratar Alexandre Pato junto ao Corinthians

14 mil visualizações 132 comentários

Por Meu Timão

Pato pode voltar à Itália

Pato pode voltar à Itália

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Em uma matéria publicada hoje, na Itália, o jornal La Nazione garante que a Fiorentina estaria em contato para tentar a contratação de Alexandre Pato.

A informação dá conta que o clube italiano gostaria de ter o atleta por empréstimo e, caso o atacante renda bem, o clube estaria disposto a pagar os 15 milhões de dólares pelos direitos do atleta.

A ideia da equipe é montar seu elenco logo no começo de 2015 para dar entrosamento a Pato e ao peruano Juan Vargas.

O jogador, que atualmente está no São Paulo, já declarou algumas vezes que gostaria de jogar na Europa e tentar a sorte em outro clube. Está aí a chance!

Veja Mais:

  • Vitória do Botafogo contra o Guarani pode manter sonho do Corinthians vivo no Paulistão

    Restam dois jogos: o que o Corinthians precisa para se classificar no Paulistão?

    ver detalhes
  • Carlinhos disputou apenas duas partidas pelo time principal do Corinthians

    Atacante do Corinthians com poucos minutos no profissional será emprestado ao Atibaia

    ver detalhes
  • Justiça penhora R$ 428 mil das contas do Corinthians após ação movida pelo América-MG

    Corinthians sofre penhora de quase R$ 500 mil na Justiça por dívida com América-MG

    ver detalhes
  • Xavier, volante de 20 anos, pode ganhar chance de treinar com o elenco principal do Corinthians no CT

    Capitão do Corinthians na Copinha pode ser mais um jovem a ganhar chance com Tiago Nunes no CT

    ver detalhes
  • Atuação de Amarilla revoltou Tite e os corinthianos em 2013

    Corinthians parabeniza Conmebol por aniversário e Fiel se revolta ao lembrar eliminação de 2013

    ver detalhes
  • Corinthians estreia no Brasileirão no começo do mês de agosto

    CBF publica calendário do futebol nacional com competições até fevereiro de 2021

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: