Petros elogia Mano e celebra nova vitória sobre o líder Cruzeiro

Petros elogia Mano e celebra nova vitória sobre o líder Cruzeiro

Por Larissa Emanuelle

1.6 mil visualizações 33 comentários Comunicar erro

Petros aprovou a atuação da equipe e exaltou a vitória alvinegra

Petros aprovou a atuação da equipe e exaltou a vitória alvinegra

Autor do passe que gerou o gol do artilheiro Luciano, o meia Petros celebrou a segunda vitória consecutiva do Corinthians no Campeonato Brasileiro e a conquista de mais três pontos na competição.

"Não dá para vir na casa do melhor time da competição e se expor. Nós fomos inteligentes de aproveitar as chances, jogamos taticamente muito bem. Nessas situações é bom dizer que o treinador teve uma ideia importante e os jogadores compraram essa ideia de marcar mais do que sair. Suportamos bem a pressão inicial do Cruzeiro e conseguimos um resultado maravilhoso. Toda a equipe está de parabéns".

"A gente precisa ter uma sequência para poder voltar ao G4. Nada como uma vitória como essa para dar um salto importante na competição".

O Corinthians volta à campo neste sábado, para enfrentar o Botafogo, ainda pela mesma competição. A equipe alvinegra busca mais uma vitória para voltar ao G4 e confirmar a boa fase.

Veja Mais:

  • Árbitro que prejudicou Corinthians diante do Flamengo é escalado para volta das semifinais

    Árbitro que prejudicou Corinthians diante do Flamengo é escalado para volta das semifinais

    ver detalhes
  • Agora capitão fixo do Corinthians, Cássio ergue a taça do hepta, em 2017

    Fim de rodízio? Volante do Corinthians nega conversa de Jair sobre escolha de capitão fixo

    ver detalhes
  • Pacaembu irá receber clássico entre Corinthians e Santos no Brasileirão

    Rival solicita, e Corinthians voltará ao Pacaembu ainda em 2018

    ver detalhes
  • Reservas fizeram uma atividade de um contra um durante boa parte desta terça-feira

    Treino do Corinthians tem ausência de titulares, um contra um dos reservas e goleiros no futevôlei

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes