Juiz da partida relatou o uso de sinalizadores e protestos na Arena Corinthians, e Timão teme punições

Juiz da partida relatou o uso de sinalizadores e protestos na Arena Corinthians, e Timão teme punições

Por Meu Timão

Juiz relatou na súmula o episódio

Juiz relatou na súmula o episódio

O Corinthians pode entrar na mira do STJD mais uma vez - dessa vez, o estopim foi o uso de sinalizadores no final do segundo tempo, poucos minutos após o gol de Guerrero. A fumaça invadiu o gramado e o juiz paralisou a partida.

O episódio foi relatado em súmula e os torcedores que levaram os sinalizadores foram agredidos por outros torcedores e retirados do estádio pela PM. A diretoria corinthiana identificou os torcedores e indicou a lista de suspeitos, que também foi adicionada ao documento oficial da partida.

A ação rápida da diretoria e a identificação dos suspeitos pode ser fundamental para poupar o Corinthians de penas mais severas. O curioso, porém, é que o juiz Ricardo Marques Ribeiro também adicionou ao texto uma menção à faixas levadas pela torcida.

De acordo com o texto na súmula, a partida foi parada pelos sinalizadores e pelos cartazes de protesto contra a CBF e a Globo: "A partida foi paralisada por dois minutos devido a sinalizadores acesos na torcida do Corinthians e apresentação de uma faixa com os seguintes dizeres 'CBF e Rede Globo: o câncer do futebol'. Após o apagar dos sinalizadores e retirada da faixa, a partida foi reiniciada normalmente".

Aparentemente, a proibição nos estádios está mais severa: ao lado dos sinalizadores e bandeiras de mastro já proibidos, também não será mais possível se expressar contra os principais mandantes do futebol brasileiro.

Veja Mais:

  • PM impediu acesso de torcedores com bolsas na Arena Barueri

    Por 'segurança', Polícia Militar barra entrada de bolsas femininas em jogo da Copinha

    ver detalhes
  • Promessa da base do Timão, Vitinho foi convocado para a Seleção Sub-17

    Atacante do Corinthians na Copinha é convocado para Seleção Sub-17

    ver detalhes
  • Pablo é jogador do Corinthians até 31 de dezembro de 2017

    Pablo assina com Corinthians e é sétima contratação do clube para 2017

    ver detalhes
  • Corinthians e Batatais se enfrentam nesta quarta-feira, às 16h

    FPF divulga informações de ingressos da final da Copinha para que não é FT; confira valores

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes