Corinthians tem concorrência forte para fechar com o zagueiro Jackson

Corinthians tem concorrência forte para fechar com o zagueiro Jackson

Por Meu Timão

29 mil visualizações 135 comentários Comunicar erro

Jackson, a esquerda, comemora um de seus gols no Brasileirão

Jackson, a esquerda, comemora um de seus gols no Brasileirão

O Corinthians não terá vida fácil para conseguir contratar o zagueiro Jackson, do Internacional, para suprir a saída de Anderson Martins. O Santos também quer o jogador e o Internacional ainda não definiu se irá reintegrá-lo ao grupo principal. Além disso, o próprio Goiás, clube pelo qual o zagueiro atuou em 2014, também quer que o jogador permaneça.

O Santos tenta contratar o jogador por empréstimo, o que dificulta ainda mais a negociação, até porque o Inter pensa em fazer caixa com um dos defensores que se destacaram no Esmeraldino neste ano. As informações são do portal Futebol Interior.

O zagueiro de 24 anos, foi oferecido ao Corinthians, será analisado pela diretoria corinthiana e pode ser um possível reforço para a temporada 2015. Na ocasião, com a saída de Cléber, o Timão tentou contratá-lo junto ao Inter, porém o vínculo de empréstimo com o Goiás, que ia até dezembro, impediu o acordo. O time goiano, porém, não conseguiu renovar o acordo junto ao Internacional, e o destino do jogador é incerto.

Veja Mais:

  • Thiaguinho deve ser titular do Corinthians neste sábado

    Sem Jadson, provável escalação do Corinthians tem três mudanças para encarar Vasco

    ver detalhes
  • Cerca de 300 torcedores na porta do CT Joaquim Grava na tarde desta sexta-feira

    Organizada do Corinthians grita contra Andrés e se reúne com jogadores, diretoria e Jair

    ver detalhes
  • Jadson está relacionado para o jogo deste sábado contra o Vasco

    Corinthians relaciona Jadson e outros 22 jogadores contra o Vasco; veja a lista

    ver detalhes
  • Teu passado é uma bandeira. Não aprenderam a lição?

    [Lucas Faraldo] Teu passado é uma bandeira. Não aprenderam a lição?

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes