Em coletiva após treino, Edu Gaspar defende elenco: 'Não estou aqui para blindar os atletas'

Em coletiva após treino, Edu Gaspar defende elenco: 'Não estou aqui para blindar os atletas'

Por Meu Timão

3.1 mil visualizações 35 comentários Comunicar erro

Em coletiva de imprensa, Edu Gaspar falou sobre nova parceria

Em coletiva de imprensa, Edu Gaspar falou sobre nova parceria

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Sobre a parceria técnica do Corinthians com o Bragantino, anunciada na manhã desta segunda-feira, o gerente de futebol do Timão, Edu Gaspar, concedeu coletiva de imprensa após o treino no CT Dr. Joaquim Grava, explicando alguns detalhes do projeto.

"A ideia inicial é estudar uma formatação adequada para alguns atletas, principalemtne para os que saem da categoria de juniores. Nós recebemos uma demanda muito grande do sub-20 todo ano. Com isso, diagnostiquei, junto com a diretoria, que a gente empresta jogadores para vários clubes, e talvez nós não vimos uma melhora técnica desses atletas que saíram para os empréstimos. A ideia foi concentrar os atletas em um devido lugar, o Bragantino. Osmar Loss é o cara que estará lá, acho que é a pessoa ideal para estar com o Bragantino. A comunicação vai ser saudável, nós estamos muito próximos do Bragantino agora. A ideia é que a gente possa potencializar esses atletas para que um dia eles voltem. É como aconteceu com o Yago", afirmou Edu.

O técnico escolhido para comandar o time sub-20 é o conhecido Osmar Loss e, além dele, toda a comissão técnica também irá para Bragança. Edu Gaspar ressaltou que todos que forem para lá, continuarão na folha de pagamento do Corinthians.

Após a eliminação do Campeonato Paulista, o que surpreendeu no CT foi a ausência de um jogador na coletiva de imprensa. Quando questinado sobre o assunto, Edu rebateu.

"Não estou aqui para blindar os atletas. Não é nenhum motivo de blindar ninguém, meu objetivo único era explicar sobre a parceria", disse.

Completando, ainda defendeu os jogadores alvinegros: "Todos os atletas, tenho certeza, que se fosse pedido, viria. A derrota está doendo até agora sim. Não foi por acaso que fizemos a programação que fizemos. Mas existe uma programação a ser cumprida, e por isso não deu tempo de atendê-los. Mas tenho certeza que temos um grupo que tem a credibilidade de vir aqui e assumir".

Veja Mais:

  • Ramiro está confirmado por Carille e médicos do Corinthians para a partida deste domingo

    Carille confirma escalação do Corinthians para estreia do Paulistão; Ramiro tem situação atualizada

    ver detalhes
  • Primeiro ano de Andrés no atual mandato como presidente do Corinthians fechará no vermelho

    Com dois meses a menos, déficit do Corinthians em 2018 ultrapassa o de 2017

    ver detalhes
  • Douglas deve deixar o Corinthians neste início de ano

    Douglas recebe ofertas e pode deixar o Corinthians; Botafogo é um dos interessados

    ver detalhes
  • Timão oficializou extensão do vínculo de patrocínio com empresa nacional de tecnologia

    Corinthians renova contrato de patrocínio com a Positivo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes