Delegação do Atlético atrasa e torcida mineira é barrada na Arena

Delegação do Atlético atrasa e torcida mineira é barrada na Arena

Antes mesmo da bola rolar, os torcedores do Atlético-MG já viveram momentos tensos na Arena Corinthians. A delegação do time deu um susto e atrasou para chegar ao estádio e milhares de torcedores foram barrados do lado de fora.

A delegação com os atletas e comissão técnica do clube mineiro chegou ao estádio alvinegro somente às 20h17, um pouco mais de 40 minutos antes de começar a partida. Os times, normalmente, chegam até uma hora antes para dar tempo de se preparar e aquecer no gramado antes da bola rolar. O motivo do atraso foi o trânsito. A delegação saiu do Morumbi com destino à Itaquera.

Sobre os ingressos, o problema parece ter sido criado pela diretoria do time mineiro. Segundo o portal LANCENET!, a diretoria pediu para que o Timão separasse apenas 170 ingressos, além dos 800 já guardados para as torcidas organizadas.

Com isso, apenas 970 ingressos foram separados para o Atlético-MG no setor visitante, que tem capacidade para cerca de dois mil lugares. A fila na área da bilheteria expressa, destinada apenas para a torcida rival, é imensa momentos antes do duelo. Mais de mil torcedores foram barrados do lado de fora. Revoltados, eles começaram a xingar o Corinthians.

A diretoria do Corinthians afirmou que cedeu o espaço pedido pelo time mineiro e que, agora, no horário da partida, não há nada que possa ser feito, já que o local já está isolado com grades de proteção e pela polícia militar.

Confira imagens do setor visitante da Arena e da fila de atleticanos do lado de fora

Veja Mais:

  • Corinthians volta a jogar nesta segunda pela Liga Nacional

    Corinthians encara 'reforçado' Sorocaba na primeira final da Liga Nacional

    ver detalhes
  • Pelada registrada no Amapá, onde Caio presenciou o tradicional 'futilama'

    Do Amapá à Antártida: torcedor do Corinthians, fotógrafo percorre o mundo em busca de peladas

    ver detalhes
  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes