Cássio pode reencontrar 'velho conhecido' nesta quarta-feira

Cássio pode reencontrar 'velho conhecido' nesta quarta-feira

Por Meu Timão

Titular do Timão há mais de três anos, o goleiro Cássio poderá reencontrar um velho conhecido nesta quarta-feira: o meia Diego Souza, destaque do Sport nesta edição do Campeonato Brasileiro, deverá entrar em campo pela equipe rubro-negra para enfrentar o Corinthians, às 22h, em Itaquera.

Cássio e Diego Souza foram protagonistas de um dos lances que garantiram o destino de seus clubes na Copa Libertadores da América, em 2012. Em duelo tenso, o Timão empatava em 0 a 0 com a equipe de São Januário até os 18 minutos da segunda etapa. Após um vacilo do lateral Alessandro, o meia avançou em direção à meta do goleiro alvinegro.

Completamente livre de marcação, o armador vascaíno chutou rasteiro no canto esquerdo de Cássio. Apesar da altura imponente - 1,95m -, o goleiro conseguiu cair a tempo de resvalar a bola com a ponta dos dedos e evitar o gol do time carioca. Com a defesa, o volante Paulinho pôde marcar o gol da classificação do Corinthians às semifinais da competição intercontinental.

“Foi a partir daquela defesa que eu tive a certeza que iríamos buscar o título, que ninguém iria parar a gente”, revelou Cássio, após o triunfo sobre a equipe do Boca Juniors, da Argentina, na decisão da Copa Libertadores, conquistada de maneira invicta.

Reveja a defesa de Cássio no chute de Diego Souza

Veja Mais:

  • Arana pode se transferir para a Inter de Milão nos próximos dias

    Com oferta na mão, Corinthians espera retorno de presidente para definir venda de Arana

    ver detalhes
  • Corinthians optou por não utilizar redes sociais em respeito ao momento

    Corinthians suspende redes sociais em dia de velório coletivo da Chapecoense

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians se despediu da Arena no empate por 0 a 0 com o Atlético-PR

    Maior do país, público do Corinthians é duas vezes a média do Brasileirão 2016

    ver detalhes
  • Oswaldo defendeu utilização da cor verde em homenagem à Chapecoense

    Oswaldo comenta tragédia da Chapecoense e é mais um a defender cor verde no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes