Após perder liderança, meia do Atlético diz que Timão foi favorecido

Após perder liderança, meia do Atlético diz que Timão foi favorecido

Por Meu Timão

Luan reclamou de lances polêmicos em jogos do Corinthians nas últimas rodadas

Luan reclamou de lances polêmicos em jogos do Corinthians nas últimas rodadas

Foto: Divulgação

O Atlético-MG era líder do Campeonato Brasileiro e só precisava de um empate contra o Grêmio para se manter nessa posição. No entanto, o time mineiro perdeu, na noite desta quinta-feira, e viu o Corinthians assumir a ponta da tabela.

O meia-atacante Luan não soube aceitar a derrota, por 2 a 0, e citou que o Timão tenha tido uma possível "ajuda" nas últimas duas rodadas para chegar a liderança do Brasileiro.

"Ficamos chateados com a maneira como o Corinthians foi favorecido nas duas últimas rodadas. Um pênalti contra o São Paulo e um, que não houve, contra o Sport", declarou Luan, em entrevista à Rádio Itatiaia.

Com a derrota para o time gaúcho, o Atlético-MG estacionou nos 36 pontos e viu o Corinthians passar, com 37. Na próxima rodada, as duas equipes vão enfrentar times de Santa Catarina. O Timão joga na Ressacada, com o Avaí, que é a primeira equipe fora da zona de rebaixamento, com 20 pontos; enquanto o time mineiro enfrenta a Chapecoense, na Arena Condá.

Veja Mais:

  • Com a 9 corinthiana, Luizão foi artilheiro da Libertadores de 2000, com 15 gols

    Ao Meu Timão, Luizão fala da busca do Corinthians por centroavante: 'Se cavar, acha na Argentina'

    ver detalhes
  • Camacho (à dir.) ganhou oportunidade entre os titulares no treino desta sexta

    Carille esboça time titular com uma troca; chance de mudança no esquema existe

    ver detalhes
  • Emerson Sheik com a camisa do Corinthians em coletiva no CT

    Emerson Sheik é apresentado, diz entender desconfiança e promete dar resposta em campo

    ver detalhes
  • Sheik assinou contrato até o fim de junho

    Emerson Sheik fala sobre contrato de seis meses, aposentadoria e possível renovação com Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes