Experiente, Cássio fala após derrota: ‘Fui dormir cinco horas da manhã’

Experiente, Cássio fala após derrota: ‘Fui dormir cinco horas da manhã’

Por Meu Timão

Após o revés na estreia da Copa do Brasil, Cássio foi o escolhido para conversar com os jornalistas no CT

Após o revés na estreia da Copa do Brasil, Cássio foi o escolhido para conversar com os jornalistas no CT

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Titular há mais de dois anos na equipe principal do Corinthians, Cássio foi até a sala de imprensa do CT Joaquim Grava e deu explicações aos torcedores sobre a derrota por 2 a 0 para o Santos, na última quarta-feira. Apesar da dificuldade em reverter o placar, o camisa 12 acredita que a equipe alvinegra precisa “virar a chave” e pensar no Cruzeiro.

“Eu consigo separar as duas competições, acho que a maioria consegue. A maioria tem experiência. Copa do Brasil era ontem, hoje deixamos de lado. É outro jogo, é Brasileiro, somos líderes, abrimos uma vantagem e não podemos achar que está tudo errado por causa de uma derrota. Agora é pensar no Brasileiro e vencer em casa”, afirmou Cássio ao GloboEsporte.com.

Neste domingo, o líder Corinthians volta a campo para a disputa do segundo turno do Campeonato Brasileiro. Para permanecer com a diferença de quatro pontos sobre o Atlético-MG, segundo colocado, o Timão precisa bater a equipe de Vanderlei Luxemburgo, atualmente na 14ª posição da tabela.

Apesar da declaração do goleiro corinthiano, esquecer a derrota na estreia da Copa do Brasil não será tarefa fácil. Experiente, ele falou sobre o sentimento amargo do revés. “Tem o Santos na próxima quarta, mas tem um jogo complicado no fim de semana contra o Cruzeiro. Somos líderes do Brasileiro e não vamos abrir mão disso. Hoje alguns podem até estar cabisbaixos, eu fui dormir 5 horas da manhã, até dormi no CT para descansar”, revelou.

“Seria muito fácil colocar os meninos mais novos para falar aqui. É bom preservar um pouco os mais jovens e colocar jogadores com tempo de clube. Sei que aqui o clima muda quando se perde o jogo. Nesse momento tem de ter tranquilidade, é pensar nos próximos jogos”, declarou.

Um jogador do Santos, em especial, foi destaque na entrevista de Cássio. O meia Lucas Lima, convocado para os dois próximos amistosos da Seleção Brasileira, foi o responsável por dar os passes para os dois gols da equipe praiana. Para o arqueiro, o Timão acabou cedendo muito espaço para o armador durante a partida.

“Em outras vezes que jogamos contra o Santos, ele não criou tanto quanto ontem. Fomos bem abaixo do normal no primeiro tempo, e quando fomos melhores no segundo, tomamos outro gol. Ele é um jogador de muita qualidade, mas temos condições de anular ele e toda a equipe do Santos. Temos total condição de reverter”, completou.

Veja Mais:

  • Corinthians volta a jogar nesta segunda pela Liga Nacional

    Corinthians encara 'reforçado' Sorocaba na primeira final da Liga Nacional

    ver detalhes
  • Pelada registrada no Amapá, onde Caio presenciou o tradicional 'futilama'

    Do Amapá à Antártida: torcedor do Corinthians, fotógrafo percorre o mundo em busca de peladas

    ver detalhes
  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes