Presidente do Atlético será julgado pelo STJD por acusações ao Corinthians

Presidente do Atlético será julgado pelo STJD por acusações ao Corinthians

Por Meu Timão

Presidente do Atlético-PR afirmou que Timão foi favorecido no Brasileirão

Presidente do Atlético-PR afirmou que Timão foi favorecido no Brasileirão

Foto: Reprodução / TV

O presidente do Atlético-PR, Mario Celso Petraglia, vai responder pelas acusações feitas ao Corinthians e aos clubes paulistas em uma de suas redes sociais. O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) vai julgar o mandatário nesta quinta-feira.

Petraglia foi enquadrado no artigo 258 do CBJD - assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva não tipificada pelas demais regras deste Código - e pode pegar até 180 dias de afastamento de suas funções no clube. As acusações foram feitas no dia 16 de agosto, quando em um desabafo no seu Twitter, o presidente disse que tudo na rodada tinha conspirado para a liderança do Timão.

A reclamação se estendia também aos outros clubes paulistas. Na ocasião, o Santos teve um pênalti polêmico marcado a favor, justamente contra o Atlético-PR.

Relembre as mensagens postadas pelo presidente do Atlético-PR

Veja Mais:

  • Torcidas organizadas propõem pacto pela paz em São Paulo

    Torcidas organizadas propõem pacto pela paz em São Paulo

    ver detalhes
  • Camisa do Corinthians criada por torcedores em homenagem à Chape

    Corinthians bate o martelo sobre homenagens à Chapecoense

    ver detalhes
  • Ronaldinho chegou a estar na mira do Corinthians, revela agente

    Irmão de Ronaldinho Gaúcho revela 'plano de marketing' do Corinthians e provocação de Andrés

    ver detalhes
  • Brasileirão agora tem quatro vagas - não três - à fase de grupos da Libertadores

    Conmebol anuncia novidade, e Corinthians volta ao páreo por vaga direta na Libertadores

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes