Cássio explica dores no clássico e valoriza defesa importante

Cássio explica dores no clássico e valoriza defesa importante

Cássio foi o único titular que treinou nesta segunda-feira

Cássio foi o único titular que treinou nesta segunda-feira

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O goleiro Cássio teve uma grande tarde neste domingo no clássico contra o Palmeiras. Além de uma boa atuação durante os 90 minutos, o camisa 12 ainda fez uma defesa incrível no final da partida, garantindo o ponto conquistado pelo Timão fora de casa.

Nesta segunda-feira, ele foi o único titular que não recebeu folga e treinou no CT Joaquim Grava. Na coletiva, ele aproveitou para ressaltar a importância desta defesa para a equipe.

"Defesa a gente não escolhe, não tem hora para fazer. Importante é que consegui contribuir para a equipe, enfrentamos uma equipe muito qualificada, mas consegui ajudar fazendo não só essa, mas também outras defesas", declarou o goleiro.

Apesar das boas defesas, o goleiro deixou a Fiel preocupada por alguns minutos. Após um choque forte, ele precisou de atendimento médico. Durante o intervalo, precisou levar quatro pontos, mas garante que não é problema para a partida contra o Grêmio.

"Na hora do choque, senti um pouco de dor, mas achei que era só do choque mesmo. Logo depois, vi minha perna sangrando, aí chamei o pessoal do departamento médico. Tive um corte profundo. No intervalo, o pessoal conseguiu trabalhar rapidamente, precisei tomar quatro pontos no local. Mas o pessoal está de parabéns por ter trabalhado. Atrasou um pouco a volta do jogo, peço até desculpas por isso. Mas no fim deu tudo certo", explicou.

"Está tranquilo, foi um corte na canela, mas não tem problema para o próximo jogo", completou, tranquilizando os torcedores.

Veja Mais:

  • Carille deve ajudar Jô na missão do atacante pela artilharia

    Reta final do Corinthians terá titulares contra Flamengo e Atlético-MG e reservas diante do Sport

    ver detalhes
  • Sem 'canetadas', Corinthians é maior campeão nacional com sete títulos brasileiros

    'Corinthians é o maior campeão brasileiro', diz historiador palmeirense da USP

    ver detalhes
  • Roberto de Andrade vê Arana como atleta mais perto a deixar Timão

    Roberto de Andrade fala em 'esfriamento', mas admite conversas pela venda de Arana

    ver detalhes
  • Pablo conquistou seu segundo título pelo Corinthians e está perto de seguir na equipe

    Diretor do Corinthians confirma proximidade do 'final feliz' na negociação com Pablo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes