Empresa de Ronaldo entra na justiça contra Corinthians por Anderson Silva

Empresa de Ronaldo entra na justiça contra Corinthians por Anderson Silva

Por Meu Timão

Ronaldo levou Anderson Silva ao Corinthians

Ronaldo levou Anderson Silva ao Corinthians

Foto: Divulgação

A entrada do Corinthians no MMA pode virar uma luta fora do ringue: o clube, estaria devendo parte dos valores combinados para o patrocínio de Anderson Silva, para a empresa 9ine. Curiosamente, o projeto veio ao clube por intervenção de Ronaldo, ex-jogador e ídolo da Fiel, também presidente e fundador da agência.

Na justiça, a empresa de Ronaldo cobra R$ 120.362,58 sobre a licença de direitos de Anderson Silva, valor que não foi pago pelo clube. O valor total, R$ 130 mil reais seria pago em parcelas mensais, das quais o Corinthians só teria quitado duas. O montante corresponderia à 20% do acordo entre o lutador e o Corinthians, e deveria ser pago à agência.

O MEU TIMÃO teve acesso ao documento, que totaliza o valor devido de R$ 100.307,11 - já com juros e correção monetária - acrescido de multa de R$ 20.061,42. No texto, o representante da 9ine afirma: "Houve inúmeras tentativas amigáveis de cobrança, todas infrutíferas, e já se passou mais de um ano desde que o Executado não efetuou o primeiro pagamento a Exeqüente; no que diz respeito às oito parcelas que ainda não foram pagas, nos termos das Notas Fiscais devidamente emitidas, referentes aos meses de: abril, maio, junho, julho, agosto, setembro, outubro e dezembro; todas referentes ao ano de 2014".

A empresa, portanto, alega que o pagamento que deveria ser realizado mensalmente mas não é feito desde abril do ano passado. O juiz responsável, entretanto, ainda não aceitou o pedido de execução da dívida por falta de documentos e pede que o contrato entre as partes seja anexado para proferir a sentença.

A 9ine terá o prazo de 10 dias para entregar tais documentos, sob pena de ter o pedido de execução cível - que obriga o pagamento da dívida - encerrado pelo magistrado. Por esse motivo, o clube ainda não foi notificado judicialmente da cobrança.

Veja Mais:

  • Michel (à esq.) e o sobrinho foram ao Maracanã naquele 23 de outubro

    Terceiro corinthiano solto no Rio desabafa: 'Fui pra ver o jogo, não pra brigar'

    ver detalhes
  • Torcedores na Arena poderão adicionar patch da Chapecoense em camisas

    Loja da Arena irá personalizar grátis camisas em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Corinthians já definiu profissionais que devem permanecer e ser negociados

    Isaac, Mendoza, Oswaldo... Confira quem chega e quem sai do Corinthians

    ver detalhes
  • É tudo política, estúpido!

    [Marco Bello] É tudo política, estúpido!

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes