Comandante da melhor defesa do Brasileirão, Cássio fala sobre Seleção Brasileira

Comandante da melhor defesa do Brasileirão, Cássio fala sobre Seleção Brasileira

Por Meu Timão

Cássio voltou a falar sobre desejo de defender a Seleção Brasileira

Cássio voltou a falar sobre desejo de defender a Seleção Brasileira

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Em boa fase no Corinthians e parte da melhor defesa do Campeonato Brasileiro, o goleiro Cássio voltou a falar sobre a Seleção Brasileira. Para o camisa 12, ele já tem, atualmente, condições de ser o goleiro da equipe do técnico Dunga, mas não se diz frustrado por ainda não ter sido convocado.

"Frustrado não, eu respeito a todos. Mas tenho condições de ser o goleiro da Seleção, o auge do atleta é chegar à Seleção. Se precisarem de mim, vou corresponder muito bem", declarou o goleiro, em participação no programa Boa Noite Fox, da Fox Sports.

Mesmo assim, Cássio mostrou respeito por Jefferson, que tem sido titular da Seleção Brasileira, mas perdeu a vaga na última partida, contra a Venezuela, para Alisson, goleiro do Internacional.

"É difícil falar até porque tenho um respeito pelo trabalho do Jefferson muito grande. Quando fui com o Mano, ele foi um goleiro sensacional. Mesmo com o Botafogo caindo, ele também foi bem. Não caber a mim decidir, tem um treinador lá e cabe a ele achar quem será o goleiro", ressaltou.

O goleiro aproveitou para relembrar uma convocação no início da carreira, quando ainda atuava pelo Grêmio. Com apenas 20 anos, ele foi chamado para defender a Seleção Brasileira Sub-20.

"Eu vinha treinando, me recordo que tínhamos uma partida pelo campeonato gaúcho e eu não fui convocado. Mas eu estava em casa, de repente ele me ligou. Na época ia ter uma convocação Sub-20, fiquei bem feliz. Meio surpreso...", finalizou Cássio.

Veja Mais:

  • Treino com torcida na Arena Corinthians não é novidade

    Organizadas pedem e último treino antes do Dérbi terá presença da torcida na Arena Corinthians

    ver detalhes
  • Jadson deve ser opção a partir da próxima quarta-feira, dia 1

    Jadson confirma que se colocou à disposição para enfrentar o Palmeiras e crava jogo da reestreia

    ver detalhes
  • Fellipe Bastos, à direita, deve retornar ao time; Léo Jabá é dúvida

    Corinthians terá ao menos uma mudança na escalação para encarar Palmeiras

    ver detalhes
  • Sanchez e Roberto de Andrade seguem aliados na política do Corinthians

    Fortalecido após veto do impeachment, Andrés Sanchez cogita voltar à presidência do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes