Elias ressalta ano 'quase perfeito', mas não descarta deixar o Timão

Elias ressalta ano 'quase perfeito', mas não descarta deixar o Timão

Por Meu Timão

Elias diz que futebol é dinâmico e não descarta uma saída em caso de proposta

Elias diz que futebol é dinâmico e não descarta uma saída em caso de proposta

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

O volante Elias foi um dos premiados na tarde desta segunda-feira no Bola de Prata, da ESPN. Após receber seu prêmio de melhor volante do Brasileirão, o jogador falou sobre o ano do Corinthians.

"Esse ano foi quase prefeito. A gente queria mais, queríamos a Libertadores e não conseguimos. Mas merecemos pelo ano que a gente fez, jogamos bem quase todo o ano. Entramos para a história do Brasileirão, vai ser difícil bater e todos ajudando. Sempre contribuindo, quando não dá, sempre outro entrou e deu conta do recado. Como eu falei lá, quando a gente perde, sofre duas vezes. Como profissional e como torcedor. Então estou muito feliz de ter realizado esse sonho, ser campeão Brasileiro pelo clube que eu torço", ressaltou o volante.

Mesmo com a boa campanha e com a disputa da Copa Libertadores na temporada que vem, o jogador não descarta deixar o Corinthians. Seus empresários estão trabalhando e, segundo Elias, o futebol é "dinâmico".

"Vivo um momento bom, é inevitável que apareçam sondagens. Para mim, não chegou nada. Minha cabeça é só pensar nas férias e deixar para que ele (empresário Bruno Paiva) e meu pai resolvam meu futuro, mas sempre passando pela minha decisão. Estou feliz no Corinthians e quero continuar, mas sabemos que o futebol é dinâmico. Quando um clube quer comprar, vem, compra e acabou", declarou o volante.

Sem definições, o volante prefere não pensar no ano que vem agora. "Tô pensando nas férias. Já sei que a Libertadores é difícil, nem vamos sofrer com antecedência", finalizou.

Veja Mais:

  • Arana pode se transferir para a Inter de Milão nos próximos dias

    Com oferta na mão, Corinthians espera retorno de presidente para definir venda de Arana

    ver detalhes
  • Corinthians optou por não utilizar redes sociais em respeito ao momento

    Corinthians suspende redes sociais em dia de velório coletivo da Chapecoense

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians se despediu da Arena no empate por 0 a 0 com o Atlético-PR

    Maior do país, público do Corinthians é duas vezes a média do Brasileirão 2016

    ver detalhes
  • Oswaldo defendeu utilização da cor verde em homenagem à Chapecoense

    Oswaldo comenta tragédia da Chapecoense e é mais um a defender cor verde no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes