China quer mais um do Timão e diretoria reza para que proposta não chegue

China quer mais um do Timão e diretoria reza para que proposta não chegue

Por Meu Timão

Agora é a vez de Elias despertar interesse na China

Agora é a vez de Elias despertar interesse na China

Foto: Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

O Corinthians virou o alvo preferido dos clubes da China, que estão com dinheiro para gastar e atrás de reforços no Brasil. Depois de Jadson, que acertou sua saída do Timão, e Vagner Love que foi sondado, o volante Elias entrou na mira.

Segundo o GloboEsporte.com, o nome do jogador entrou em pauta após o destaque de outro volante, também com história no Corinthians. Paulinho, que jogou o Mundial de Clubes pelo Guangzhou Evergrande, tem agradado aos chineses.

Responsável pela carreira do filho, o pai de Elias, já tratou logo de negar qualquer chance do jogador ir para a China. "Não temos conhecimento do interesse de nenhum time. Posso afirmar que para a China, neste momento, o Elias não irá", declarou.

Mesmo assim, a diretoria do Corinthians já está começando a ter dores de cabeça por causa desse novo mercado do futebol. O diretor adjunto de futebol, Eduardo Ferreira, foi bem sincero ao comentar essas investidas.

"A gente reza diariamente para nenhum jogador nosso receber proposta da China. Torcemos por isso, porque eles não vêm para brincar. As propostas são sempre dez vezes maiores", declarou Edu, em entrevista à Rádio Bandeirantes.

Por enquanto, os chineses já conseguiram tirar um dos principais atletas da conquista do hexacampeonato. Por um salário de quase R$ 2 milhões mensais, o meia Jadson acertou Tianjin Quanjian. O Corinthians recebeu aproximadamente R$ 6,3 milhões por 30% dos seus direitos econômicos.

Veja Mais:

  • Romero foi bastante participativo no primeiro tempo, mas 'sumiu' na etapa final

    Sem criar chance de gol, Corinthians cai na pilha do Racing e é eliminado da Sul-Americana

    ver detalhes
  • Rodriguinho foi expulso após dar solada no atleta adversário

    Fiel não perdoa, e Rodriguinho beira nota zero em eliminação do Corinthians na Argentina

    ver detalhes
  • Rodriguinho deixou El Cilindro sem conversar com a imprensa

    Rodriguinho pede desculpas ao elenco por expulsão, mas opta pelo silêncio na zona mista

    ver detalhes
  • Adauto falou com a imprensa na saída do estádio El Cilindro

    Diretor do Corinthians detona arbitragem na Argentina: 'Verdadeiros artistas'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes