Proposta de Naming Rights pode incluir base do Fiel Torcedor, afirma portal

Proposta de Naming Rights pode incluir base do Fiel Torcedor, afirma portal

Por Meu Timão

Naming Rights inclui Fiel torcedor no acordo

Naming Rights inclui Fiel torcedor no acordo

Foto: Meu Timão

A novela naming rights ganhou um capítulo novo e inusitado nesta quinta. De acordo com a repórter Camila Mattoso, da Folha de São Paulo, o acordo pelo nome também envolveria um acordo de compra da Omni, administradora do Fiel Torcedor.

Com isso, a empresa teria acesso à base de cadastrados do Fiel Torcedor, e ainda segundo o jornal, poderia oferecer serviços de microcréditos. No novo acordo a empresa ficaria também com a Omni, empresa que tem 50% do programa de sócios do Corinthians e poderia até mesmo revendê-la no futuro.

O objetivo ao envolver o Fiel Torcedor é aumentar gradativamente o número de associados - a expectativa é chegar aos 1,2 milhões de pessoas. Os serviços oferecidos aos corinthianos que aderissem ao programa teriam inclusos serviços financeiros - cartões de crédito, microcrédito, capitalização - parte do pacote de produtos do portfólio da empresa.

Além disso, um patrocínio master da camisa também poderia entrar no acordo - semelhante ao acerto do clube inglês Arsenal com a companhia aérea Emirates. O contrato com a atual patrocinadora, a Caixa, termina em fevereiro. Até agora a diretoria do Corinthians não se pronunciou sobre o assunto, que é tratado com sigilo no clube.

Veja Mais:

  • Gilberto estava no São Paulo e agora negocia com o Corinthians

    Gilberto explica recusa ao Corinthians no passado e pede chance à Fiel: 'Quero ser mais um louco'

    ver detalhes
  • Emerson Sheik é esperado no CT do Corinthians na parte da tarde

    Zagueiro vai ao CT do Corinthians; Sheik e Matheus Vital são esperados no período da tarde

    ver detalhes
  • Timãozinho encara o Avaí em busca da classificação às quartas da Copinha

    Confira como assistir ao vivo à partida decisiva do Corinthians na Copinha

    ver detalhes
  • Henrique Dourado ainda pode reforçar Corinthians em 2018

    'Caso Gilberto' e atrito político: por que Corinthians ainda pode contratar Henrique Dourado

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes