Castán confirma sondagem do Timão, mas afirma: 'Só volto quando estiver 100%'

Castán confirma sondagem do Timão, mas afirma: 'Só volto quando estiver 100%'

Por Meu Timão

Castán coloca o Corinthians como prioridade quando retornar ao Brasil

Castán coloca o Corinthians como prioridade quando retornar ao Brasil

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Há quase quatro anos atuando no futebol italiano, o zagueiro Leandro Castán não pensa em voltar ao Brasil no momento. O atleta está se recuperando após cirurgia para a retirada de uma cavernoma - lesão benigna dentro do cérebro. Cobiçado por outros clubes brasileiros, o jogador colocou o Corinthians como prioridade.

"Se um dia eu voltar, voltarei para fazer a diferença. Não vou voltar só para encerrar a carreira. E, se acontecer de voltar, a prioridade será sempre do Corinthians. Só volto para outro clube do Brasil caso o Corinthians não me queira. Sou profissional, mas tenho uma gratidão enorme pelo Corinthians. Sou quem sou por causa do Corinthians", afirmou o jogador, em entrevista ao site Goal.

Castán conseguiu destaque no Brasil ao atuar com a camisa do Corinthians, entre 2010 e 2012. Em seu período pelo clube, conquistou um Campeonato Brasileiro e a Copa Libertadores da América. Em janeiro, seu nome foi envolvido em um possível interesse do Timão. O atleta confirmou a sondagem e disse ter planos para seu futuro no alvinegro.

"Chegaram a procurar meu pai, mas, como disse antes, só volto quando estiver 100%. Não admito voltar para o Corinthians em fase de recuperação. Quero voltar 100% e escrever uma história ainda mais bonita", completou Leandro Castán.

Além do Corinthians, outros clubes brasileiros demonstraram interesse em contar com zagueiro nesta janela de transferência. No entanto, Castán optou por permanecer na Roma, onde sonha em conquistar um título.

"Houve algumas especulações, mas poucas coisas concretas chegaram para mim. Muita coisa ficou nas mãos do meu pai. Mas, vale ressaltar, não me senti pronto para voltar ao futebol brasileiro agora. No Brasil, todos esperam o Leandro Castán de dois anos atrás. Não saio daqui porque quero continuar na Roma e também porque não aceito mais jogar abaixo do meu nível verdadeiro. Não admito mais isso. E digo mais: só saio da Roma o dia que o clube chegar e dizer que não quer mais continuar comigo. Meu sonho é conquistar um título pela Roma e, com isso, devolver todo o carinho que os torcedores e funcionários têm por mim", finalizou o zagueiro.

Veja Mais:

  • Desfalque diante do Vitória, Pablo está recuperado e deve viajar a Goiânia

    Treino do Corinthians tem rachão com 'morte súbita', 'desafio' a Clayson e disputa de pênaltis

    ver detalhes
  • Roberto (à esq.) está pessimista por negócio com Cicinho

    Roberto de Andrade esclarece especulações, vê Cicinho distante e abre o jogo sobre Nenê

    ver detalhes
  • Nenê foi oferecido nos últimos dias para a diretoria do Corinthians

    Nenê é oferecido ao Corinthians; até troca com dois jogadores alvinegros é sugerida

    ver detalhes
  • Para presidente corinthiano, aporte da Crefisa no Palmeiras é 'ponto fora da curva'

    'Desleal', diz Roberto de Andrade sobre apoio da Crefisa ao arquirrival do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes