Investigado, André Negão é intimado por Conselho de Ética do Corinthians

Investigado, André Negão é intimado por Conselho de Ética do Corinthians

Por Meu Timão

André Negão tem seu nome envolvido em investigações da Lava Jato

André Negão tem seu nome envolvido em investigações da Lava Jato

Foto: Divulgação

Investigado na Operação Lava Jato, André Negão, vice-presidente do Corinthians, foi intimado pela Comissão de Ética e Disciplina do clube a apresentar sua defesa sobre o caso até o dia 12 de março. As informações são do GloboEsporte.

Após as obras da Arena Corinthians aparecerem nas investigações da Lava Jato, André Negão passou a ser suspeito de ter recebido R$ 500 mil de propina para a construção do estádio.

A intimação foi feita por Sérgio Alvarenga, vice-presidente do Conselho Deliberativo, que espera a defesa de André Negão antes de cogitar possíveis punições: “Ainda não sei. Temos que aguardar a manifestação dele”, disse à publicação.

No dia 22 de março, o vice-presidente corinthiano foi levado pela Polícia Federal em condução coercitiva para prestar depoimentos. Na chegada à casa do dirigente, a PF encontrou duas pistolas e foi levado à delegacia por conta do porte ilegal de armas.

Após prestar depoimento e pagar fiança, André Negão explicou a prisão por meio das redes sociais. Apesar das investigações, o presidente do clube, Roberto de Andrade, pediu “calma antes de julgar” e decidiu manter o vice no cargo.

Veja Mais:

  • Apresentadora usou termo pejorativo para se referir ao Corinthians

    Corinthians é chamado por termo pejorativo em programa de televisão de Campinas

    ver detalhes
  • Elenco do Timão teve dia descontraído no CT Joaquim Grava

    Carille libera rachão, e Corinthians tem treino com show de descontração antes de final estadual

    ver detalhes
  • Tour da Arena Corinthians terá início na segunda semana de maio

    Corinthians anuncia início do tour da Arena; veja preços e como comprar ingressos

    ver detalhes
  • Corinthians de Carille vem se tornando conhecido pela postura defensiva

    Técnico do Corinthians cita até Atlético de Madrid para defender filosofia de trabalho

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes