Há quase um ano sem gols de falta, especialista Cristóvão quer mudar rendimento no Corinthians

Há quase um ano sem gols de falta, especialista Cristóvão quer mudar rendimento no Corinthians

Por Meu Timão

Fagner é um dos destaques do elenco nos treinamentos de falta

Fagner é um dos destaques do elenco nos treinamentos de falta

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Neste sábado, no duelo diante da Chapecoense, caso o Corinthians não marque gols de falta, o clube completa um ano sem balançar as redes adversárias através de bola parada. Para impedir tal marca negativa, o Timão agora conta com a contribuição e experiência do técnico Cristóvão Borges, que ficou conhecido por suas cobranças indefensáveis, quando vestia a camisa alvinegra.

O responsável pelo último gol de falta do Corinthians foi o meia Jadson, no dia 9 de julho de 2015, na partida contra o Atlético Paranaense, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. O antigo camisa 10 cruzou a bola na área, que passou por todos antes de parar na meta adversária.

Negociado junto ao Tianjian Quanjian (CHI), Jadson deixou o Timão no final do ano passado, mas marcou seu nome entre a extensa lista de batedores de falta na história do clube. Curiosamente, Cristóvão Borges, que recentemente assumiu o comando técnico da equipe, também faz parte da relação dos atletas especialistas que já defenderam a camisa do Timão.

Classificado pelo jornal A Gazeta Esportiva como “Cristóvão, o ‘bom baiano’, especialista em cobrança de faltas” em novembro de 1986, em sua primeira temporada pelo Timão, Cristóvão Borges utilizou a habilidade no recurso para conquistar seu espaço na equipe.

Tamanha era a qualidade de Cristóvão, que o ex-volante foi elogiado por Carlos na época, goleiro do Corinthians e com passagem pela Seleção Brasileira. “Ele cobra as faltas com grande perfeição. Dependendo da formação da barreira, é infalível. Já nasceu com esse dom. Normalmente, nas faltas em que cobra, o goleiro não tem nem sequer iniciativa para esboçar defesa”, disse ao jornal.

Agora com outra função no clube, responsável por definir as táticas e formação da equipe, Cristóvão Borges incentiva o elenco na prática de cobranças também e tem o lateral-direito Fagner como principal candidato. Nas últimas semanas, o treinador vem estimulando alguns jogadores do grupo, a fim de aperfeiçoar a pontaria no quesito, que ainda não apresentou sucesso durante os jogos.

Corinthians e Chapecoense duelam neste sábado, às 16h30, na Arena Condá, em duelo válido pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. Somando 25 pontos, o Timão faz a segunda melhor campanha da competição.

Veja Mais:

  • Recuperado de lesão, Balbuena volta a compor zaga com Pablo; dupla terá de parar melhor ataque do Paulista

    Defesa x ataque: Corinthians e São Paulo buscam vitória e equilíbrio em clássico no Morumbi

    ver detalhes
  • Auricchio (à dir.) passou a integrar diretoria da base do Corinthians

    Corinthians nomeia ex-diretor de futebol para cargo na base

    ver detalhes
  • Após 1 a 1 na Arena, Timão volta a campo contra São Paulo na tarde deste domingo

    Rival tropeça, e Corinthians pode diminuir distância para primeira colocação geral

    ver detalhes
  • Carille não confirmou a equipe titular que enfrenta o São Paulo

    Rodriguinho não treina e Balbuena volta: veja provável escalação do Corinthians para o Majestoso

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes