Corinthians define preço de Pato, que deve receber nova proposta do Villarreal

Corinthians define preço de Pato, que deve receber nova proposta do Villarreal

Por Meu Timão

Pato pode ser vendido ao futebol espanhol

Pato pode ser vendido ao futebol espanhol

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Depois de admitir que existe negociações com o Villarreal por Alexandre Pato, o Corinthians já definiu um preço para a provável saída do atleta.

Segundo o UOL Esporte, o clube quer 5 milhões de euros (cerca de R$ 18 milhões) por 60% dos direitos econômicos que possui do atacante. Além desse valor, o clube também calcula uma economia de cerca de R$ 6 milhões em salários e direitos de imagem que seriam pagos até o final do contrato.

Ainda segundo a publicação, o Corinthians já recusou uma primeira oferta do Villarreal. Os valores oferecidos estavam muito abaixo do esperado pela diretoria. Agora, o clube conversa com o empresário do atleta para oferecer uma segunda proposta ao Timão.

O atacante já teria aprovado a negociação também. Pato quer um salário de aproximadamente 2,5 milhões de euros por temporada. A expectativa é que essa nova proposta chegue ao clube nos próximos dias.

A diretoria do Timão confirmou o negócio após o empate contra o Figueirense, neste sábado. Apesar disso, o clube ainda sustenta a versão de que ele não foi para o jogo por conta do preparo físico, que ainda não está ideal.

Veja Mais:

  • O GERENTE ENLOUQUECEU

    VÍDEO: O GERENTE ENLOUQUECEU

    ver detalhes
  • Jô e Guilherme Arana estão na seleção da Bola de Prata

    Jô volta a falar do desejo de jogar Libertadores, mas não crava permanência no Corinthians

    ver detalhes
  • Com saída de Adriano, Marquinhos herdou a camisa 10 do Timão na Libertadores 2012

    Campeão em 2011, Marquinhos diz ter celebrado hepta do Corinthians e ensaia retorno

    ver detalhes
  • Golaço de Rodriguinho sobre o Sport entrou em vídeo de emissora italiana

    Canal de esportes da Itália produz vídeo com cinco gols mais belos do hepta do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes