Passes, desarmes, cruzamentos: veja os números do Timão e de seus jogadores no primeiro turno

Passes, desarmes, cruzamentos: veja os números do Timão e de seus jogadores no primeiro turno

Por Mayara Munhoz e Thaina Barros

Timão fechou o primeiro turno na terceira colocação do Brasileirão

Timão fechou o primeiro turno na terceira colocação do Brasileirão

Foto: Agência Corinthians

O Campeonato Brasileiro chegou em sua metade. Após 19 rodadas, o Corinthians já caminhou 50% do percurso em busca do título no final da temporada. Com uma campanha cheia de altos e baixos, a equipe está na terceira posição, com 34 pontos - dois a menos que o líder, Palmeiras.

Nas 19 partidas já disputadas até o momento, a equipe teve jogadores que se destacaram em fundamentos diferentes, como passes certos e desarmes. E teve também os fundamentos que não tiveram grandes destaques, como as finalizações.

O Meu Timão, com ajuda do portal Footstats, que reúne todas as estatísticas do Campeonato Brasileiro, levantou todos os números da equipe do Corinthians neste primeiro turno da competição. Confira!

Passes

Nos passes errados, o Corinthians conseguiu manter uma média durante todos os 19 jogos, variando na casa dos 40 e 50 erros por jogo. Já nos certos, algumas variações: contra o Coritiba, o maior número de acertos (673); já contra o Palmeiras, o menor (259).

Entre os jogadores, destaques para Fagner e Uendel. A dupla de lateral aparece entre os jogadores que mais acertaram e mais erraram também. Bruno Henrique lidera com mais acertos (987), seguido de Uendel (985) e Fagner (919). O lateral-direito lidera a lista de erros com 125, seguido de Giovanni Augusto (110) e Uendel (98).

Finalizações

Durante o primeiro turno do Brasileiro, o Corinthians enfrentou pequenas variações em finalizações certas, encontrando o máximo de oito contra o Vitória e contra o Flamengo. Já em erros, sendo o maior número contra o Grêmio (15) e chegando no menor (2) contra o América-MG.

O destaque fica com Marquinhos Gabriel, que lidera entre acertos (13) e erros (21). Em corretas, é seguido por Romero (12) e Bruno Henrique (10). Em erros, Rodriguinho (17) e Luciano (16) aparecem logo após Marquinhos.

Assistências

Na lista de assistências que desencadearam o gol, o Corinthians manteve uma média, ficando entre dois e um em quase todos os jogos. Nas que levaram a finalizações, as variações são mais visíveis entre altos e baixos, com máximas em 15 nas partidas contra o Coritiba e o Internacional; contra o Palmeiras teve o menor índice, chegando a 3.

Em auxílio para finalizações, Fagner (3) é o primeiro da lista, com Giovanni Augusto (3) e Romero (3), em sua cola. Em seguida aparece Guilherme (2), Uendel (2), Marquinhos Gabriel (2) e Balbuena (2).

Lançamentos

Já em lançamentos certos, o Timão conquistou variações um pouco mais visíveis, com o pico de 21 durante a partida contra o Vitória e o menor contra o Flamengo, com 12. Em erros, o clube também encontrou a máxima no confronto com o Vitória, em que chegou a 29. O menor índice foi no jogo contra o Coritiba, com 12.

Na equipe, o goleiro Cássio e Fagner aparecem em primeiro e segundo entre os que mais erraram e os que mais acertaram. Cássio (39) lidera em lançamentos corretos, acompanhado por Fagner (29) e Uendel (29). Em erros, o goleiro aparece na ponta novamente, com 74, em seguida parece o lateral-direito, com 59, e Walter (53).

Desarmes

O índice do Corinthians em desarmes certos é marcado por algumas variações. O número máximo é visto na partida contra o São Paulo (30) e a mínima no confronto com o Fluminense (10). Em erros, o time alcançou uma média durante as rodadas do campeonato.

Os jogadores Fágner e Bruno Henrique aparecem entre os que mais acertaram e os que mais erraram. O volante é o primeiro em acertos, com 72, seguido pelo lateral-direito, com 53, e Giovanni Augusto (33). Já nos desarmes errados, é Fágner (8) que lidera, ao lado de Bruno Henrique (7) e Uendel (5).

Faltas

O Corinthians mantém um índice de faltas recebidas com algumas mudanças a cada rodada, tendo o maior número no confronto contra o São Paulo (26) e o menor contra o Sport (7). Entre as cometidas, a variação não é tão grande mas existe. O máximo é visto na partida contra o Vitória (24), ainda durante a segunda rodada do Brasileiro, e o índice mais baixo é encontrado no duelo contra o Cruzeiro (8).

Entre os jogadores do clube, o lateral-direito Fagner aparece no terceiro lugar nas duas comparações. Bruno Henrique (40) é o primeiro entre as faltas cometidas, logo após temos Giovanni Augusto (25) e Fagner (20). Entre as recebidas, o líder é Marquinhos Gabriel (34), em segundo está Romero (34), em seguida o lateral-direito, com 29.

Perda de posse de bola

Na posse de bola, o Corinthians manteve algumas variações durante as 19 partidas do primeiro turno do campeonato. O número máximo é visto no duelo contra o São Paulo, com 56. O menor é encontrado contra o Fluminense, que chegou a 20.

No elenco, o meia-atacante Marquinhos Gabriel (128) lidera a lista, seguido pelo atacante Romero (91) e o meio-campista Giovanni Augusto (63).

Veja Mais:

  • Alan Mineiro gostaria de permanecer no Corinthians, mas não está nos planos do clube

    Alan Mineiro deve ser vendido pelo Corinthians e disputar a Série B em 2017

    ver detalhes
  • É tudo política, estúpido!

    [Marco Bello] É tudo política, estúpido!

    ver detalhes
  • Diversos torcedores não conseguiram efetuar a troca de ingressos

    Com fila absurda e nova confusão, torcida do Corinthians esgota ingressos para final da LNF

    ver detalhes
  • Oswaldo negou que seus treinos sejam repetitivos

    Oswaldo volta a sinalizar escalação do Corinthians em coletivo e explica semana de treinos

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes