Elias reconhece ausência de líderes no elenco e aponta ex-corinthiano como possível candidato

Elias reconhece ausência de líderes no elenco e aponta ex-corinthiano como possível candidato

Por Meu Timão

Camisa 7 entende que mudanças simultâneas afetaram a equipe

Camisa 7 entende que mudanças simultâneas afetaram a equipe

Foto: Agência Corinthians

Um dos principais e mais experientes jogadores do atual elenco corinthiano, o volante Elias, fez uma análise do atual momento do Timão e pediu paciência em relação ao momento de oscilação da equipe nas últimas partidas. Para o camisa 7, os resultados ainda são frutos da adaptação da nova filosofia, porém, Elias reconhece que a perda de alguns líderes da equipe em campo também vem afetando o Timão.

“Depois do Brasileiro perdemos referências técnicas e várias lideranças. A gente já foi perdendo no decorrer do campeonato (Sheik, Guerrero e Fábio Santos) e no final perdemos mais. E essa referência técnica se conquista, não se impõe. Tem jogadores que estão conquistando isso, como Marquinhos Gabriel e Giovanni Augusto. Já a referência de liderança estamos atribuindo a outros jogadores, casos do Bruno Henrique, do Uendel...”, afirmou Elias ao globoesporte.com.

Para o volante, o atacante Alexandre Pato, que deixou o Corinthians recentemente rumo ao Villarreal, se encaixa às características mencionadas e poderia ser um dos líderes da equipe na temporada devido à sua qualidade técnica, além da experiência em grandes clubes do futebol europeu.

“Ele (Pato) poderia ser uma referência, é um jogador que atuou na Europa, que jogou em grandes clubes e se quiser volta a ser, mas tudo é se a gente quer. Nos treinos ele mostrava que queria ficar e dar a volta por cima. Pegou de surpresa, a gente esperava que ele ia ficar até o final do Brasileiro. Se ele fizesse o que fez no São Paulo estava de bom tamanho. É um grande jogador, um dos melhores centroavantes da atualidade do futebol brasileiro”, acrescentou.

Um dos poucos remanescentes do atual plantel de jogadores depois do desmanche feito na equipe ao final da conquista do Campeonato Brasileiro em 2015, Elias assegurou que a prioridade principal é ser campeão pelo Corinthians e revelou que transmite a meta para os jogadores contratados na atual temporada.

“O time do ano passado já tinha algumas lideranças que vinham desde 2013. Os que chegaram agora fazem de tudo para ser referência técnica, e nós como referência de liderança estamos mostrando o caminho, tentando mostrar o que é Corinthians, o que é ser campeão aqui, para que as coisas comecem a fluir naturalmente. Mas é cedo ainda, seis meses de trabalho, perdemos até o treinador, entrou uma filosofia parecida, mas com ideias diferentes. Precisamos nos adaptar o mais rápido possível um ao outro e ao novo estilo de jogo para que a gente possa brigar de vez pelo título”, completou.

Sem vencer há três partidas, o Corinthians soma 34 pontos e ocupa a quinta colocação. Com mais de uma semana livre para treinamentos, o Timão volta a campo no dia 22, segunda-feira, quando recebe o Vitória, às 20h, na Arena Corinthians, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Camisa do Corinthians criada por torcedores em homenagem à Chape

    Corinthians bate o martelo sobre homenagens à Chapecoense

    ver detalhes
  • Brasileirão agora tem quatro vagas - não três - à fase de grupos da Libertadores

    Conmebol anuncia novidade, e Corinthians volta ao páreo por vaga direta na Libertadores

    ver detalhes
  • Alan Santos tem conversas avançadas com Corinthians

    Corinthians negocia contratação de volante do Coritiba, diz portal

    ver detalhes
  • Giovanni Augusto treinou como lateral nesta terça-feira

    Giovanni na lateral, mudança na zaga e susto de Rildo: o treino desta terça do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes