Cristóvão analisa início no Corinthians e vê exagero em críticas

Cristóvão analisa início no Corinthians e vê exagero em críticas

Por Meu Timão

Cristóvão Borges vê um Corinthians em processo de estabilicação e montagem.

Cristóvão Borges vê um Corinthians em processo de estabilicação e montagem.

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Responsável pela estabilização do Corinthians após os desmanches, o técnico Cristóvão Borges deixou sua avaliação sobre o início no comando da equipe alvinegra. Além disso, o treinador declarou sua visão sobre o exagero nas críticas em seu trabalho.

Questionado sobre sua equipe durante entrevista no programa Baita Amigos, do canal Bandsports, o comandante do time alvinegro afirmou que sua motivação vem pelo fato que o Corinthians desta temporada é um time que está sendo restabelecido, após saída de diversos jogadores e profissionais do clube.

Para ele, a equipe campeã da edição passada do Campeonato Brasileiro também deu seus sinais de perda de desempenho mais ou menos na mesma época que a atual. Mesmo com diferenças e um elenco mais reduzido, o técnico garantiu que tudo faz parte de um processo de montagem.

“O que eu acredito muito e está me deixando motivando, onde aposto mais, é que o Corinthians desse ano é um Corinthians que está sendo refeito. O Corinthians campeão foi completamente desfeito, temos três ou quatro jogadores. E a equipe campeã do ano passado começou a dar sinais justamente mais ou menos nessa época do ano. Do começo do ano até aqui, aquele time que todos nós aplaudimos não era nada também, era um processo de montagem também. Lógico que tem diferenças... Um elenco menor. Pra refazer esse time, as contratações foram bem feitas, de jogadores que foram estaques do Campeonato Brasileiro do ano passado”, argumentou o técnico.

Ainda sobre o elenco corinthiano, Cristóvão afirmou que os jogadores contratados pelo Timão este ano ainda não chegaram no patamar esperado, em relação ao que jogaram no ano passado, mas que tudo é uma questão adaptação e que está a chave da sua aposta na equipe.

“Os jogadores chegaram e tem o processo de adaptação. Os resultados têm a ver com isso, são jogadores que ainda não jogaram o que jogaram no ano passado, o potencial deles, o que espero. Eles foram destaques no ano passado. É isso em que eu aposto, acho que isso vai acontecer. Hoje, por exemplo, vivemos essas dificuldades todas e estamos ali com sete equipes de planteis definidos, de trabalhos longos, que se reforçaram. E estamos brigando com eles nessa situação. Uma melhora nossa vamos brigar na ponta”, comentou.

Sobre críticas, o treinador alegou que existe um exagero por parte da imprensa. Garantindo que nunca reclamou, e que não irá reclamar, em relação a pressão que carrega como comandante do time, Cristóvão afirmou que essa supervalorização é notável até para os jornalistas.

“Eu nunca reclamei, nunca reclamo nem vou reclamar de críticas. Tanto é que, em todas as entrevistas, as pessoas vão me entrevistar e ficam incomodadas. ‘Você não acha injusto, não acha exagero?’. Porque é tão claro, tão exagerado, que ficou pra todo mundo”, declarou Cristóvão Borges.

“Por consequência do clube não ter conseguido segurar jogadores, eu vejo as pessoas começarem a ter uma compreensão um pouco melhor, um entendimento de que era exagerado. Tudo bem críticas, não ganhou, cabe, tranquilo. Não pode ser exagerado. Agora eu me sinto bem, estou em casa, estou à vontade, fui bem recebido com o sentimento de que muita coisa boa vem por aí”, completou.

Veja Mais:

  • Recuperado de lesão, Balbuena volta a compor zaga com Pablo; dupla terá de parar melhor ataque do Paulista

    Defesa x ataque: Corinthians e São Paulo buscam vitória e equilíbrio em clássico no Morumbi

    ver detalhes
  • Auricchio (à dir.) passou a integrar diretoria da base do Corinthians

    Corinthians nomeia ex-diretor de futebol para cargo na base

    ver detalhes
  • Após 1 a 1 na Arena, Timão volta a campo contra São Paulo na tarde deste domingo

    Rival tropeça, e Corinthians pode diminuir distância para primeira colocação geral

    ver detalhes
  • Carille não confirmou a equipe titular que enfrenta o São Paulo

    Rodriguinho não treina e Balbuena volta: veja provável escalação do Corinthians para o Majestoso

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes