Camacho critica falta de tempo para treinar e pede time 'bem por 80 minutos'

2.2 mil visualizações 57 comentários

Por Meu Timão

Para Camacho, é preciso mais tempo de preparação entre uma partida e outra

Para Camacho, é preciso mais tempo de preparação entre uma partida e outra

Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

O volante do Corinthians, Camacho, criticou o pouco tempo de preparação no calendário de jogos da equipe. Além disso, o jogador afirmou que almeja um time ‘bem por 80 minutos’ na partida contra o Coritiba, nesta quarta-feira, às 21h45. A partida será realizada no estádio Couto Pereira, válida pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Durante entrevista coletiva concedida nesta terça-feira, no CT Joaquim Grava, o volante comentou o tempo escasso de treinamentos entre uma partida e outra, alegando que existe uma busca pelo equilíbrio.

"Não está dando tempo de treinar porque é um jogo atrás do outro, estamos conversando para achar o equilíbrio", declarou o jogador.

Um dos jogadores mais recentes no elenco do Timão, Camacho deixou sua análise sobre o desempenho o Corinthians terá que apresentar no próximo desafio para conquistar a vitória fora de casa. O time alvinegro perdeu os últimos quatro jogos atuando longe da Arena em Itaquera, sequência que vem incomodando tanto os jogadores e a comissão técnica, quanto os torcedores.

"O time todo tem que jogar como jogamos no primeiro tempo contra o Santos e segundo tempo contra o Sport, para a gente conseguir melhorar nosso futebol fazer uns 80 minutos bem, porque se fizer isso tem grandes chances de sair com a vitória", argumentou.

Para enfrentar o time do Paraná, a equipe corinthiana ganhou uma nova baixa, a oitava do elenco. Com dores musculares, o meia Giovanni Augusto está vetado do confronto e o volante Cristian deve tomar seu lugar como titular. Com isso, Camacho comentou o esquema de jogo com a alteração, afirmando ter liberdade para se apresentar a campo ao jogar com o volante.

“Jogando com o Cristian eu tenho mais liberdade para sair, me apresentar mais para o jogo. Quando à parte da marcação, começa com o Marlone e o Lucca pegando os laterais e termina lá na zaga. O time todo tem que ir bem na defesa e a gente acaba fazendo bons jogos”, finalizou Camacho.

O Corinthians vai ao Paraná com a quarta melhor campanha do Campeonato Brasileiro, com 40 pontos conquistados. O time busca a vitória fora de casa para se consolidar no G4 da competição, já que se encontra com apenas um ponto à frente do quinto colocado, o Santos, e a sete do líder Palmeiras, arquirrival que enfrenta na Arena em Itaquera neste sábado, às 16h.

Veja Mais:

  • Zoom Fuller retorna ao Corinthians Basquete após três meses de sua saída

    Corinthians anuncia retorno de Zoom Fuller para o time de basquete

    ver detalhes
  • Presidente do Corinthians, Duilio Monteiro, falou sobre os reforços de peso

    Duilio revela o percentual do Corinthians nos direitos de 'quarteto mágico'

    ver detalhes
  • Gabi Zanotti marcou o gol da vitória do Corinthians contra a Ferrroviária

    Corinthians vence Ferroviária e larga na frente por uma vaga na final do Paulistão Feminino

    ver detalhes
  • Fábio Santos vai ultrapassar o treinador que viu jogar e fazer história na sua atual função

    Sylvinho e Fábio Santos falam ao Meu Timão sobre relação e trajetórias no Corinthians

    ver detalhes
  • Em 2013, Sylvinho trabalhou como assistente de Tite no Corinthians

    Sylvinho fala sobre gratidão a Tite e enaltece conquistas do ex-treinador do Corinthians

    ver detalhes
  • Permanência de Sylvinho foi bancada pelo presidente Duilio Monteiro Alves; treinador chegou em maio e tem 48,81% de aproveitamento

    Duilio valoriza trabalho de Sylvinho e garante treinador no comando do Corinthians até 2022

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x