Após derrota, atletas do Corinthians comentam possível demissão de Cristóvão

Após derrota, atletas do Corinthians comentam possível demissão de Cristóvão

Por Meu Timão

Sob pressão, Cristóvão Borges convive com diversas críticas da Fiel

Sob pressão, Cristóvão Borges convive com diversas críticas da Fiel

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Ao final do clássico deste sábado, na derrota pelo placar de 2 a 0 diante do Palmeiras, os jogadores corinthianos deixaram em aberto a atual situação de Cristóvão Borges. Muito pressionado pela torcida, mediante à oscilação de resultados nas últimas partidas, o treinador teve o momento avaliado pelos jogadores do elenco corinthiano.

Questionado a respeito da possível demissão de Cristóvão Borges após o revés no Dérbi, o meia Marquinhos Gabriel se esquivou da pergunta e transferiu a responsabilidade do assunto á diretoria do clube. “Não sei, isso não cabe a mim responder, cabe à presidência. Eu tenho que fazer minha parte dentro de campo. Temos que crescer individualmente e tem que ser o mais rápido possível”, falou o camisa 31.

O meia Marlone, titular no clássico e que vem ganhando oportunidade do treinador nos últimos jogos, assim como Marquinhos Gabriel, não opinou sobre o caso, transferindo o poder de decisão exclusivamente aos dirigentes do Timão. “Não sei. O Cristóvão sempre está junto com o grupo, isso é mais coma diretoria”, completou o jogador.

Com a derrota, o Corinthians segue com 41 pontos ganhos, na quinta melhor colocação do Campeonato Brasileiro, podendo ser ultrapassado até o desfecho da 26ª rodada. O Timão volta a campo na quarta-feira, quando recebe o Fluminense, às 21h45, na Arena Corinthians, pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil.

Veja Mais:

  • Bruno Paulo jogará no Santa Cruz até o final de 2017

    Com apenas um jogo pelo Corinthians, atacante é emprestado até o fim do ano

    ver detalhes
  • Rodriguinho marcou o gol da vitória do Corinthians contra o Atlético-GO

    Corinthians se impõe fora de casa, vence Atlético-GO e assume liderança do Brasileirão

    ver detalhes
  • Quase a totalidade dos 15 mil presentes no Serra Dourada era corintiana

    Torcida do Corinthians domina o estádio Serra Dourada; comentarista e dirigente goianos se revoltam

    ver detalhes
  • Clayson canta o hino do Corinthians na primeira concentração

    VÍDEO: Clayson canta o hino do Corinthians na primeira concentração

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes