Bandeira diz que Flamengo só foi ajudado contra o Corinthians; veja provas do contrário

Bandeira diz que Flamengo só foi ajudado contra o Corinthians; veja provas do contrário

Por Meu Timão

Presidente do Flamengo cometeu gafe ao tentar defender a arbitragem

Presidente do Flamengo cometeu gafe ao tentar defender a arbitragem

Foto: Divulgação

O presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, cometeu uma grande gafe ao tentar minimizar o gol irregular marcado por Guerrero contra o Corinthians, nesse domingo, no Maracanã. De acordo com o mandatário do clube carioca, o erro da equipe de Anderson Daronco foi "o primeiro caso de um erro de arbitragem que nos favorece em 32 rodadas".

Um levantamento feito pelo Meu Timão e publicado abaixo prova o contrário.

Ao longo das 32 rodadas do Campeonato Brasileiro, o Flamengo foi beneficiado diversas vezes pela arbitragem. Em um cálculo grosso, o clube rubro-negro garantiu oito pontos graças a erros dos juízes. Sem tal pontuação (ignorando erros contra e/ou a favor das outras equipes), o time do Rio estaria empatado em em quinto lugar com o rival Botafogo.

Confira abaixo uma compilação de alguns dos erros grosseiros de arbitragem a favor do Flamengo no Brasileirão-2016:

1ª rodada

Flamengo 1 x 0 Sport

Logo na primeira partida do Flamengo na competição, um erro de arbitragem garantiu a vitória rubro-negra. Na ocasião, um gol de Vinícius Araújo pelo Sport foi anulado pela marcação de um impedimento inexistente.

6ª rodada

Flamengo 1 x 2 Palmeiras

No confronto direto com o adversário direto na briga do título, o Flamengo escapou de sofrer mais um gol. Aos 19 minutos do segundo tempo, Léo Duarte interceptou com a mão um cruzamento de Luan. O lance foi ignorado pela arbitragem.

21ª rodada

Flamengo 2 x 1 Grêmio

Contra o Grêmio, a bate na mão de Rafael Vaz dentro da área. O árbitro Raphael Claus, porém, não marcou o pênalti e evitou que o Flamengo perdesse dois pontos com um possível empate.

22ª rodada

Chapecoense 1 x 3 Flamengo

Com vários pequenos erros e um pênalti não marcado em Kempes, derrubado por Rafael Vaz dentro da área. Ao fim da partida, o técnico da Chapecoense, Caio Júnior, se revoltou com o resultado e reclamou muito da arbitragem.

27ª rodada

Flamengo 2 x 1 Cruzeiro

Outro pênalti não marcado contra o Flamengo. Desta vez foi Robinho quem foi derrubado na área por Rafael Vaz. Vuaden mandou o jogo seguir, e também garantiu mais uma vitória em partida que tinha todas as chances de terminar em empate.

28ª rodada

São Paulo 0 x 0 Flamengo

O empate desta vez viraria derrota se a arbitragem marcasse a penalidade. Desta vez, o pênalti não marcado foi um lance de mão na bola de Rever. Bruno cruzou, zaga do Flamengo cortou (com a mão) mas a arbitragem, para variar, ignorou o lance.

32ª rodada

Flamengo 2 x 2 Corinthians

Gol impedido de Guerrero. O peruano recebeu a bola de Diego em posição irregular (assim como os outros dois flamenguistas que participaram do lance) e balançou as redes do Corinthians. A arbitragem ignorou o impedimento e validou o tento.

Veja Mais:

  • Fábio Carille está com sua renovação bem encaminhada

    Após conversa no CT, Corinthians trata renovação de Carille como questão de tempo

    ver detalhes
  • Torcedores podem ouvir listas de músicas criadas por jogadores do Timão

    Corinthians anuncia parceria com serviço de streaming de música

    ver detalhes
  • Lucca perdeu espaço em 2017, mas vem se destacando no Brasileirão pela Ponte Preta

    Valor estipulado pelo Corinthians esfria interesse francês no atacante Lucca

    ver detalhes
  • Clayson foi escolhido por Carille para, mais uma vez, substituir Jadson

    Corinthians encerra preparação, e Carille mantém escalação sem Jadson para jogo deste sábado

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes