Presidente do Internacional chora após derrota para Corinthians: 'Nos roubaram'

Presidente do Internacional chora após derrota para Corinthians: 'Nos roubaram'

Por Meu Timão

106 mil visualizações 244 comentários Comunicar erro

Após vitória corinthiana em Itaquera, presidente do Internacional reclama de arbitragem

Após vitória corinthiana em Itaquera, presidente do Internacional reclama de arbitragem

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Logo após o triunfo do Corinthians sobre o Internacional, por 1 a 0, na noite desta segunda-feira, o presidente da equipe gaúcha, Vitorio Piffero, direcionou críticas à arbitragem do duelo. Para o mandatário, o árbitro paranaense Rodolpho Toski Marques favoreceu o Timão ao marcar um pênalti do zagueiro Erando sobre Romero, lance que definiu o placar final da partida aos 10 minutos do segundo tempo.

"Mais uma vez, o Inter vem a São Paulo e é garfado pela arbitragem. Em 2005 foi assim, 2009 foi e hoje de novo. Três jogos decisivos e nós violentamente garfados. Pênalti totalmente inexistente, inventado pela arbitragem", declarou o presidente enquanto deixava o estádio alvinegro.

Segundo Piffero, o lance se caracteriza como mais um episódio da rivalidade entre Corinthians e Internacional, colocando a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) e a arbitragem como membros da história. O presidente da equipe gaúcha continuou ressaltando que havia tentado vetar a escalação do árbitro Rodolpho Toski para a partida em Itaquera, indicando que irá pressionar ainda mais a entidade nos próximos jogos.

"Amanhã tem sorteio para a arbitragem para o jogo de domingo. Chega! Já havia conversado com o presidente Marco Polo Del Nero que não poderíamos deixar passar nenhum ponto. E nos roubaram um ponto hoje. Depois desse pênalti o jogo acabou para nós", alegou.

Questionado sobre o desempenho do Internacional em campo, Píffero afirmou que o resultado seria diferente caso do pênalti não tivesse sido marcado. Para ele, a equipe gaúcha se saiu melhor em campo.

"Até o pênalti, o jogo era parelho. O Inter estava bem postado. Jogou pela cartilha. Fez o que foi combinado. Aí, com o pênalti, virou outro jogo. Tentamos, mas não conseguimos. É revoltante. Nos roubaram um ponto hoje. É isso", finalizou.

Veja mais em: Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Alex fechou com o Corinthians por um ano de empréstimo

    Corinthians surpreende e fecha com atacante que estava na China

    ver detalhes
  • Ao lado do lateral Sidcley, o volante Ralf foi inscrito pelo Timão no Paulista

    Com dois reforços, Corinthians atualiza lista de jogadores inscritos no Paulistão

    ver detalhes
  • Matheus Torres será titular diante do Santos Tsunami, na estreia do Steamrollers no Paulista

    Conheça o quarterback Matheus Torres, arma do Corinthians no clássico contra o Santos

    ver detalhes
  • Carille mudou o time do Corinthians para o Dérbi

    Sem centroavante, Carille confirma escalação do Corinthians com três mudanças para Dérbi

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes