Marlone agrada, e Oswaldo promete chance ao meia contra o Atlético-PR

Marlone agrada, e Oswaldo promete chance ao meia contra o Atlético-PR

Por Meu Timão

Oswaldo aprovou a atuação de Marlone

Oswaldo aprovou a atuação de Marlone

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O meia Marlone teve a atuação destacada pelo técnico Oswaldo de Oliveira após a vitória por 1 a 0 sobre o Internacional, na noite dessa segunda-feira, na Arena em Itaquera. De acordo com o comandante alvinegro, o jogador retomou a boa fase e dificilmente não receberá oportunidade diante do Atlético-PR, no próximo sábado.

“Muito legal, estou muito satisfeito com a atuação do Marlone. É um jogador que acompanho há muito tempo no Vasco da Gama, várias vezes foi meu adversário. Depois passou por Fluminense, Cruzeiro, Sport. Enquanto estive no Sport, ansiei pelo retorno dele. Mas ele não vinha bem no Corinthians, nosso primeiro jogo contra o América-MG estava estafado, pediu pra sair com dez minutos do segundo tempo”, iniciou Oswaldo em entrevista coletiva.

“Ele não vinha tendo boas atuações, correu atrás e hoje foi disparado o melhor da partida. Mereceu fazer o gol, em um dia que teve a possibilidade de ganhar o primeiro Puskás. Está iluminado. Muitas possibilidades dele jogar sábado. Se ele se recuperar plenamente, vai ser difícil ele não se recuperar para a partida”, acrescentou.

O gol marcado por Marlone surgiu logo no início do segundo tempo. Após pênalti sofrido por Romero, o camisa 8 chamou a responsabilidade e abriu o placar em Itaquera. Mesmo precisando da vitória para escapar da possível queda à Série B, o Internacional não apresentou futebol convincente e saiu derrotado.

Contente com o desempenho corinthiano, Oswaldo projetou o confronto com o Atlético-PR, marcado para sábado, às 21h (de Brasília), novamente em Itaquera. “Realmente é inevitável que aconteça agora. Cada, jogo, a medida que o campeonato se aproxima da conclusão, cada jogo tem suas nuances, sua importância. Esse jogo de hoje ele tinha a nossa necessidade de vitória para tentar a classificação e a necessidade de vitória do Inter. Ele foi disputado com muita atenção por isso, jogadores estavam visivelmente tensos, nervosos. O Corinthians conseguiu ser mais equilibrado e vencer a partida. Jogo de sábado vai ser carregado com muita tensão. É muito provável que a gente tenha um jogo nesse mesmo nível emocional”, finalizou.

Veja mais em: Oswaldo de Oliveira e Marlone.

Veja Mais:

  • Corinthians/Americana pode não voltar a quadra no segundo semestre

    Campeão nacional, Corinthians/Americana chega ao fim, diz jornal

    ver detalhes
  • De promessa a dispensado: ex-Corinthians, Cassini comunica saída da Ponte Preta

    De promessa a dispensado: ex-Corinthians, Cassini comunica saída da Ponte Preta

    ver detalhes
  • Cicinho, hoje no futebol búlgaro, deve pintar como reforço do Corinthians

    Final da Copa da Bulgária separa Corinthians de segunda contratação para o Brasileirão-2017

    ver detalhes
  • Pequeno torcedor conheceu também o xeque Al-Khelaifi, dono do clube francês

    Em Paris, torcedor-mirim surpreende xeique do PSG e pede contratação de atacante do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes